Ainda não estreou mas fãs já estão a atacar o anime de Nagatoro-san

Com estreia prevista para abril de 2021, ainda só vimos um primeiro trailer (em cima) da adaptação para série anime do mangá Don’t Toy with Me, Miss Nagatoro (Ijiranaide, Nagatoro-san) de Nanashi, mas no twitter múltiplos fãs de anime estão já a acusar o anime de ser “excessivamente sexualizado” e “pornográfico”, chamando também quem gostar do anime de racista e pedófilo.

Em baixo seguem alguns screenshots a exemplificar o ataque a que o anime já está a ser alvo:

Isto já parece uma série terrível com um conceito que vai atrair pessoas terríveis.

É uma boa série, mas vai definitivamente atrair pessoas desagradáveis.

O rosto das fotos de perfil racistas nos próximos anos

Quantos racistas vou ver com um icon de Nagaoro?

LMAO você tem que ser um verdadeiro perdedor para estar empolgado por esta merda

Yeah, este vai ser o próximo que vão sexualizar excessivamente

A atenção negativa em torno do anime, sem dúvida, ficará mais terrível quando o anime finalmente estrear. A animação é da  (Tower of God, Lupin III: Part IV, Orange) a direção é de Hirokazu Hanai (Dances with the Dragons), argumento de Taku Kishimoto (ERASED, Fruits Basket, Haikyu!!), design de personagens de Misaki Suzuki (Another, Red Data Girl) e música por Gin (Pop Team Epic). O tema de abertura é da responsabilidade de Uesaka.

Don’t Toy with Me, Miss Nagatoro (Ijiranaide, Nagatoro-san) mostra a história de Hayase Nagatoro, uma menina que mexe com o seu Senpai à procura de reações constrangedoras dele. Mas qual será a motivação dela? Será que ela deseja apenas ver as reações dele? Ou será que ela gosta dele secretamente?

Capa do volume 9 de Don’t Mess with Me, Nagatoro (Ijiranaide, Nagatoro-san)
Capa do volume 9 de Don’t Mess with Me, Nagatoro (Ijiranaide, Nagatoro-san)

Don’t Toy with Me, Miss Nagatoro (Ijiranaide, Nagatoro-san) começou a ser publicado em 2017 na revista digital Magazine Pocket e o seu 9º volume foi lançado a 9 de novembro de 2020. Em inglês o mangá está a ser lançado pela Vertical.