Estúdio de animação Artland fecha

Estúdio de animação Artland fecha

Em 2015 vimos o estúdio de animação  chegar ao fim e este ano de 2017 vemos outro grande estúdio de animação japonês encerrar as suas portas, estamos a falar do estúdio .

A Teikoku Databank revelou hoje que o estúdio  terminou os seus trabalhos a 30 de Junho e que a companhia contratou um advogado para lidar com a insolvência. O estúdio tinha em Dezembro de 2016 uma dívida de cerca de 298 milhões de ienes, qualquer coisa como 2.3 milhões de euros (8.6 milhões de reais).

ArtlandO estúdio  foi fundado em 1978 pelo falecido diretor Noboru Ishiguro e produziu icónicos animes como The Super Dimension Fortress Macross, Megazone 23, The Legend of the Galactic Heroes e Mushishi.

Em 2006 a companhia transformou-se numa subsidiária da Marvelous produzindo animes como e Katekyo Hitman Reborn!.

Atualmente o estúdio  estava a trabalhar na série anime (Nanatsu no Taizai) que tem 12 episódios agendados mas que viu o seu 5º episódio ser adiado.

A Teikoku Databank listou que o lucro anual da empresa em Novembro de 2013 foi de cerca de 260 milhões de ienes, mas em Dezembro de 2016, o lucro anual foi de 21 milhões de ienes. A Teikoku Databank explicou que, apesar da empresa continuar a fazer obras populares, como Mushishi, os custos de outsourcing da  formavam quase 90% dos seus custos de produção, e a empresa continuou a acumular dívida.

Em 2016 noticiámos que a , uma subsidiária da chinesa Shanghai Haoliners Cultures Media, investiu no estúdio de animação  com o objetivo de fortificar a sua capacidade de produção anime mas aparentemente nem esta injeção de capital salvou o estúdio .