Funimation intensifica a pressão sobre sites ilegais de anime

Taiyaki, AnimeGlare, Shiro, Project Kamyroll e Yukino chegam ao fim

Funimation intensifica a pressão sobre sites ilegais de anime

Agora com a Crunchyroll de baixo da sua alçada a Funimation virou a sua atenção para os sites que distribuem ilegalmente anime.

Recentemente múltiplos websites e apps revelaram que receberam uma notificação da Funimation onde é revelado que serão tomadas ações judiciais se as notificações para terminarem com a distribuição ilegal forem ignoradas, três serviços decidiram encerrar e os demais estão a pensar que rumo tomar para evitar o mesmo destino.

Com o interesse por anime a aumentar exponencialmente e com uma ampla gama de empresas como a Crunchyroll / Funimation, Amazon Prime Video e até mesmo a Netflix a investir somas significativas quantias na produção de anime, a necessidade de combater a pirataria de anime tornou-se uma necessidade para estas companhias.

No início desta semana, começaram a surgir relatos de uma nova campanha antipirataria realizada em nome da Funimation que para proteger o seu investimento e o seu negócio, recorreu aos serviços da empresa de proteção de marcas Corsearch, que passou a pressionar legalmente os sites piratas bem como os serviços de hospedagem e até distribuidoras de internet.

Um dos primeiros avisos emitidos foi direcionado ao aplicativo “Taiyaki” onde é solicitado o seu encerramento ou enfrentar um encaminhamento criminal para a polícia. O operador da plataforma confirmou que, em resposta à notificação, o projeto foi arquivado.

Esta aplicação está encerrada. Infelizmente ela foi atingida por um DMCA pela empresa monárquica conhecida como Funimation

O AnimeGlare também foi um dos alvos e chegou ao fim:

Devem estar a perguntar por que o AnimeGlare não está a funcionar e por que não podem entrar em contacto connosco, bem, eu não sei como vos contar essas más notícias, mas o AnimeGlare recentemente recebeu uma carta de ‘Cease & Desist’ da ‘Funimation Global Group, LLC ‘, o que significa que somos forçados a fechar todas as operações imediatamente.

Foi uma jornada maravilhosa e eu realmente adorei trabalhar no AnimeGlare e conversar com vocês, pessoas adoráveis, mas todas as coisas boas têm que acabar e infelizmente chegou a hora de dizer adeus. A partir de 6 de setembro de 2021, o AnimeGlare não funcionará mais e o nosso site não distribuirá mais arquivos. O AnimeGlare foi oficialmente encerrado.

A app de anime ‘Shiro’ também relatou ter recebido um DMCA esta semana. O seu produtor não compartilhou o aviso, mas parece que seguiu um formato semelhante aos recebidos pela Taiyaki e AnimeGlare. Foi enviado pela Corsearch em nome da Funimation e continha uma ameaça de encaminhar o assunto para as autoridades de aplicação da lei na Suécia em caso de incumprimento.

Acabei de receber um aviso de remoção de DMCA da funimation e, portanto, interromperei todo o desenvolvimento no aplicativo Shiro, mas o site provavelmente ficará online.

Todos os outros produtores de app devem provavelmente colocar as suas coisas em privado o mais rápido possível, já que esta empresa [Corsearch] foi contratada especificamente para notificações DMCA.

Outras duas apps Project Kamyroll e Yukino embora sem receber notificações decidiram parar as suas atividades.

Fundou o OtakuPT em 2007 e desde então já escreveu mais de 40 mil artigos sobre anime, mangá e videojogos.