Ghost in the Shell é o primeiro mangá da JBC Portugal

Edição de luxo do mangá Ghost in the Shell em Portugal!

Ghost in the Shell mangá Portugal

Depois da confirmação oficial da entrada da JBC Portugal no mercado de mangás português foi hoje revelado que o primeiro mangá em Portugal da editora vai ser a edição de luxo de , o icónico mangá do mestre .

Segundo a JBC Portugal:

Inédito em Portugal, a nova versão tem acabamento de luxo. Ela segue o mesmo padrão da versão brasileira, a primeira do mundo a usar os arquivos remasterizados pelo próprio autor. O mesmo material foi utilizado para esta versão portuguesa. A sobrecapa foi impressa com duas cores extras, usando no total seis cores na sua composição. Tem ainda um formato especial (17 x 24 cm – bem maior que o mangá tradicional japonês), além do papel Lux Cream nas páginas internas. São 352 páginas, sendo que destas 62 são coloridas! Ou seja, uma verdadeira edição de colecionador.

O mangá vai custar 34,99 euros com distribuição exclusiva em livrarias e lojas especializadas

A pedido do próprio autor, as bandanas continuam em japonês, para preservar a escrita à mão em kanji (caracteres japoneses), com a tradução no final do mangá. Para manter a obra mais próxima possível do original japonês, a quarta capa é trilíngue: em inglês, japonês e com inserções em português.
 
Apesar de uma obra única, no começo dos anos 2000, voltou ao universo da Major Kusanagi nos mangás. Lançou The Ghost in the Shell 2.0 e, depois, a versão 1.5 de sua obra original de 1989. Essas duas bandas desenhadas serão publicadas em breve pela JBC Portugal.
 
Influenciado por obras “cyberpunk” do final dos anos 1980, como o mangá Akira e o filme Blade Runner – O Caçador de Androides, o cenário escolhido por Masamune Shirow para The Ghost in the Shell foi o futuro distópico de 2029, em que a alta tecnologia se mistura a uma sociedade decadente e desigual. É nesse universo à beira do colapso que a Major Motoko Kusanagi encabeça a Seção 9 da Segurança Pública japonesa. Motoko é uma ciborgue altamente treinada, que tem como missão desvendar uma série de crimes cibernéticos realizados por um hacker conhecido como o Mestre dos Fantoches. Em meio à caça ao criminoso virtual, Masamune Shirow insere na trama questionamentos existencialistas, ponderando até mesmo se alguém provido meramente de Inteligência Artificial é, de fato, um ser vivo. E foi exatamente essa mistura de ficção científica, ação e temas filosóficos que fizeram do mangá The Ghost in the Shell uma leitura obrigatória.
 

Para terem uma melhor ideia do que esperar deste lançamento de  em Portugal podem ver em baixo um vídeo onde mostramos a versão brasileira desta edição de luxo.

produziu aos comandos de Mamoru Oshii em 1995 e 2004 os filmes  e Ghost in the Shell 2: Innocence bem como em 2002 a série anime  e sequela. Já mais recentemente em 2013 a  animou a OVA  que mais tarde foi transformada numa série anime.

Com se devem ter apercebido o mais recente projeto de  foi o filme live-action que estreou a 31 de Março de 2017 e que contou no papel principal com .

Podem visitar o site oficial JBC.pt e ainda seguir a JBC Portugal no twitter, facebook e instagram.