Gintama: Silver Soul Arc – Ep. 13 e 14: Rebeldes e coelhos noturnos

Gintama: Silver Soul Arc - Ep. 13 e 14: Rebeldes e coelhos noturnos

Entre os muitos animes desta Temporada de Verão, Gintama: Silver Soul Arc é um dos mais esperados pelo publico. A série retorna para sua segunda parte da adaptação do arco final do manga de Hideaki Sorachi, novamente com produção da Bandai Namco Pictures, direção de Chizuru Miyawaki, roteiros de Hirokazu Hisayuki e character design de Shinji Takeuchi.

A primeira parte desta temporada do anime foi exibida entre janeiro e março deste ano logo após o termino de Gintama: Porori Arc, que foi exibido entre outubro e dezembro de 2017 e adaptou arcos do manga que não haviam sido exibidos anteriormente na cronológica da série, e sofreu duras críticas do publico e de muitos da imprensa (inclusive nas analises semanais feitas por mim) devida sua falta de qualidade de animação e excessivo uso de animação estática no decorrer dos episódios que foram exibidos.

Para este primeiro texto do retorno de Gintama: Silver Soul Arc iremos falar sobre os episódios treze e catorze, aonde vemos como surgiu a atual formação da Kiheitai e a luta de Kagura e Kamui contra outros Yatos na tentativa de salvar Gengai e impedir que o escudo de nanorobôs seja desligado.

O mais interessante dos acontecimentos do episódio treze é mostrar o paralelo de como era a dinâmica do grupo em que Takasugi fazia parte na época da Guerra Joui e seus atuais companheiros na atual formação da Kiheitai. Aqui vemos uma boa construção de roteiro, aonde com apenas alguns diálogos é possível saber a motivação de cada membro do grupo sem a necessidade de mostrar seu passado em forma visual. Também é legal saber que o grupo possui membros com passados distintos, personalidade diferentes e que se complementam, isso acaba fazendo com que o público passe a sentir empatia com estes personagens, que inicialmente começaram como vilões e agora são aliados na defesa da Terra.

Gintama: Silver Soul Arc - Ep. 13 e 14: Rebeldes e coelhos noturnos

Junto com o paralelo feito entre os grupos antigos e novos temos o Shogun Nobu Nobu falando que aqueles guerreiros que estavam defendendo a Terra tinham uma grande importância naquele momento, mas foi legal o ato de Katsura Kotarou ao afirmar que eles apenas rebeldes. Esse séria o resultado da discusão que Takasuki, Gintoki, Katsura e Sakamoto, aonde os quatro estavam decidindo o que seria do grupo deles quando a Guerra Joui acabasse com a vitoria para o lado deles.

No episódio catorze temos a corrida dos personagens na Terra em busca de resgatar o inventor Gengai e impedir que o escudo de nanorobôs fosse destruido e possibilitasse que os membros da Exercito de Liberação se reerguesse. As ações do inventor monstram que ele estava disposto a se sacrificar naquele momento para tentar impedir que o escudo caísse, coisa que não ocorreu graças a Kaguya.

A luta de Kagura e Kamui contra Máster Sun foi bastante divertida, primeiramente por ser a primeira vez que vemos os dois personagens lutando lado a lado, segundo que a luta foi muito bem produzida para a animação e mustura de forma muito legal comédia com ação e, por ultimo, a animação nesta parte do episódio catorze foi muito bem animada, fluida no ponto certo e com pouco uso de animação estática. A cena final do episódio praticamente fecha de forma divertida a aliança de Kamui e os aliados da Terra e ainda deixa um bom (e inesperado) cliffhanger para o próximo episódio.

No geral, estes dois episódios do retorno de Gintama: Silver Soul Arc foi muito satisfatórios por dar continuidade inediata aos acontecimentos da historia e ainda acertar os pontos de alguns personagens de forma divertida e bem organizada dentro do roteiro. Diferente dos episódios finais da primeira parte deste arco, estes primeiros episódios tiveram uma animação muito bem produzidas, com boa fotografia e fluidez na movimentação dos personagens. Minha impressão inicial sobre o retorno do anime é positiva e eu aguardo que isso se mantenha ou venha a me surpreender no futuro.

Gintama: Silver Soul Arc - Ep. 13 e 14: Rebeldes e coelhos noturnos

Um fã de animes, cinema, games, séries e com um gosto musical incomum. Membro brasileiro do OtakuPT e formado em Processos Fotográficos.