Kimetsu no Yaiba 2 não vai ser censurado

Coreia do Sul e China vão certamente protestar contra a série anime

Tivemos hoje a confirmação de que Kimetsu no Yaiba: Yūkaku-hen (Demon Slayer: Kimetsu no Yaiba Entertainment District Arc), a 2ª temporada da adaptação para série anime do mangá Kimetsu no Yaiba (Demon Slayer) de Koyoharu Gotouge, vai estrear na temporada de outono de 2021 e Yuriko Nakamura, a Chefe de programação da Fuji TV, veio agora revelar que “o conteúdo será transmitido sem qualquer alteração”.

O cenário para a segunda temporada de Demon Slayer é a infame área de Yoshiwara, um distrito de prostituição em Tóquio, que era um lugar famoso para entretenimento sexual até a prostituição ser proibida no Japão em 1958. Por causa disso, um dos tópicos mais quentes na imprensa japonesa e em programas de variedade tem sido sobre se a série anime adaptaria o mangá fielmente ou se tornaria mais familiar para saciar a grande base de fãs mais novos que a franquia tem atualmente.

Claro está que este tema com ou sem censura vai suscitar muitos protestos na Coreia do Sul que continua a exigir ao Japão compensações pelas “mulheres de conforto” da 2ª Guerra Mundial.

Confirmada estreia de Kimetsu no Yaiba 2 este Outono

Apesar disso, Nakamura afirmou hoje que o arco do Entertainment District iria “passar pelos procedimentos usuais de revisão, mas o conteúdo será transmitido sem quaisquer alterações”. Ela explicou que esta foi uma decisão baseada no horário em que a segunda temporada vai ser exibida. Nakamura disse ainda que foi por causa da “cooperação da Shueisha, Aniplex e ufotable que [a Fuji TV] foi capaz de transmitir uma obra que se tornou um fenómeno social” e que a Fuji TV está a fazer o seu melhor para “cumprir o nosso papel como uma estação de TV, sendo capaz de entregar esta série”.

O staff será o mesmo pelo que temos animação pelo estúdio ufotable (Fate/Zero, Kara no Kyoukai, Katsugeki: Touken Ranbu), a direção é de Haruo Sotozaki (Tales of Zestiria the X, Tales of Symphonia the Animation) e o design de personagens é de Akira Matsushima (Maria Watches Over Us, Tales of Zestiria the X). O elenco também será o mesmo.

O mangá de Kimetsu no Yaiba (Demon Slayer) começou a ser publicado na Weekly Shonen Jump da Shueisha em fevereiro de 2013 e terminou em maio de 2020, com o seu 23º e último volume a ser lançado em dezembro de 2020.

Em abril de 2019 estreou uma adaptação para série anime e em outubro de 2020 o filme anime Kimetsu no Yaiba: Infinity Train (Gekijouban Kimetsu no Yaiba: Mugen Ressha Hen) que se tornou no filme anime mais lucrativo de sempre no Japão.

Sinopse de Kimetsu no Yaiba (Demon Slayer) 

O cenário é o Japão, era Taisho. Tanjirou é um rapaz benevolente que viveu pacificamente com a sua família como um humilde vendedor de carvão. A sua vida muda completamente quando a sua família é morta por demónios. A única outra sobrevivente, é a sua irmã mais nova, Nezuko, que se tornou num demónio feroz. Para devolver Nezuko ao normal e vingar-se do demónio que matou a sua família, os irmãos partem numa viagem. De um jovem talento, começa um conto de aventuras de sangue e espadas!

Subscreve
Notify of
guest

5 Comentários
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
🍦Pico🍦
🍦Pico🍦
6 , Setembro , 2021 21:21

Aí sim hein.👌🍦

Thiê †  Mestre dos Sonhos ☠ 🐲🔱
6 , Setembro , 2021 18:38

Isso aí, diga não à censura

Shiba
Shiba
6 , Setembro , 2021 16:40

Graças a Deus 🙏.

Juan Duarte
Juan Duarte
6 , Setembro , 2021 16:35

Eu lembro que na epoca muitas feminista japonesas haviam reclamado do conteúdo desse arco. Que bom que foram ignoradas.

Joe
Joe
6 , Setembro , 2021 16:05

Ainda bem. Mas o que mais me surpreende é que a Coréia do Sul e China aparentemente não tem mais nada a fazer ou se preocupar do que com o que o Japão censura ou não em um anime deles. Uau!