Major 2nd – Ep. 1: Sonhos destruídos.

Finalmente, desde que anunciaram o mangá de Major 2nd estou esperando esse anime. O autor é o mesmo de Major original Mitsuya Takuya, mas temos um diretor diferente da serie original, Ayumu Watanabe (Uchuu Kyoudai, Koi wa Ameagari You ni), não subestimem esse homem, Uchuu Kyoudai é um dos meus animes preferidos, eu acredito que esse homem vai fazer Major 2nd ser grandioso.

Nessa sequência direta de Major, vamos acompanhar o filho de Goro Shigeno, Daigo Shigeno, que vai precisar encarar desafios para crescer no mundo do baseball com o peso de ser o filho de um super astro do baseball.

Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.

 

Já somos recebidos com Daigo declarando seus sonhos para o futuro, ser um jogador da liga principal de baseball, clichê não é mesmo? Mas o que esperar, afinal, não tem como ter outra coisa em mente, não importa na verdade, qualquer pessoa que tenha assistido Major já espera essa declaração, é claramente o que o autor quer que esperemos. Algo do meu agrado, foi o fato de Goro ter aparecido logo no início para dar uma luva de presente para Daigo, melhor ainda meus sentimentos gritaram loucamente de emoção quando a primeira abertura da serie original começou a tocar, por mais que eu tenha tentado segurar, as lágrimas chegaram a escorrer, foi um detalhe perfeito pra esse primeiro episódio; por que? Não apenas pela nostalgia, mas pela transição de uma história para a outra, é como se o diretor quisesse nos mostrar que o protagonista agora é outro, podemos confiar que ainda veremos Goro, que agora está indo jogar em um time de Taiwan.

Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Essa cena foi fantástica. Principalmente por conta da música.

Daigo entra para os Migune Dolphin o time que seu pai jogou na infância, sua confiança é muita alta, ele chega a mostrar certo conhecimento, mas não resultados… Essa confiança inchada se deve ao fato de tudo a sua volta, uma família fanática por baseball, o incentivo do pai, da mãe, da irmã (que é ótima jogando também), todos que descobrem quem é o pai de Daigo depositam uma fé gigantesca nele. Mas quanto maior for a confiança, maior será a decepção caso as coisas não funcionem como você quer, infelizmente Daigo não tem o talento que Goro tinha quando criança, ele não tem um ombro forte para arremessos, o que acaba lhe tirando a chance de jogar como arremessador, também se atrapalha muito facilmente cometendo vários erros, nenhum de seus colegas o ajuda, ninguém está do seu lado, eles apenas o derrubam com comentários desanimadores em comparação com seu pai e sua irmã; Daigo até tenta melhorar treinando sozinho, mas não consegue resultados, eu digo que lhe faltaram dicas para melhorar, então chegamos no momento que é a gota d’água para ele, após ser escolhido para rebater em uma partida, ele falha miseravelmente, isso o faz perceber que ele é medíocre, isso é um golpe pesado demais, ter um pai e uma irmã bons no esporte, mas não estar a altura deles, após essa decepção, Daigo desiste do baseball.

Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Critical Hit.

Avançamos em 2 anos, descobrimos então que Daigo não desistiu apenas do baseball, desistiu do futebol também, passando seus dias jogando em seu portátil, isso não é um simples acontecimento, isso destruiu seu coração, ser alimentado com tantas expectativas, receber tanta pressão, então descobrir que você não nasceu com o talento, dependendo da pessoa isso é um golpe que não destrói apenas o orgulho ou a confiança pode acabar com a força de vontade e a determinação, quero apenas dizer que Daigo não é fraco por conta disso, ele apenas não estava preparado. Izumi, tenta lhe fazer acordar com uma bronca, mas não é suficiente, ele precisa de um incentivo gigante. Esse incentivo poderia ser o aluno transferido, Hikaru Satou? Filho de outro grande jogador de baseball e amigo de infância de Goro, Toshiya Satou. Esperemos para ver como a história vai se desenvolver.

Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
A importância desse encontro é muito alta.

Esse primeiro episódio foi bem estruturado, nos mostrou o motivo de Daigo perder sua vontade de jogar baseball, a pressão, suas decepções, dando outro golpe logo em seguida apresentando Hikaru, que diz que seu pai é melhor que o Goro. A comédia está ok, rederam risadas mas não gargalhadas, A animação agora é apenas da NHK, ela está muito bem trabalhada, os movimentos estão ótimos, mas talvez esteja 5% menos detalhada, com contornos mais leves, mas isso não atrapalha em nada, o design está fiel ao original, mas em comparação com o anime anterior, os personagens estão com o rosto mais arredondado. A nostalgia não ficou apenas em ver Goro e escutar a primeira abertura, personagens que ajudaram no passado de Goro também estiveram presentes, gostei muito de revê-los, esperando mais deles aparecerem.

Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Taisho como treinador e Fujii como assistente.

Falando em comparações, hora de fazer algumas, a primeira se deve ao fato que vi algumas pessoas reclamando quando o mangá começou a ser lançado, não se prenda demais aos primeiros episódios de Major original, por favor. acho totalmente aceitável isso, pois hoje em dia as pessoas reclamam por qualquer coisa, se o autor fizesse algo muito dramático no início de Major 2nd, as pessoas iriam reclamar que ele não sabe inovar; não começamos com o mesmo drama, longe disso, Daigo não sabe o que é passar pelo o que Goro passou nos primeiros anos de sua vida, ao mesmo tempo, Goro não passou pelo que Daigo está passando, Goro tinha o talento, sempre mostrando resultados, avançando e ficando cada vez melhor, Daigo recebeu um golpe pesado pra uma criança que leva uma vida normal, isso afeta totalmente em suas personalidades, Daigo não tem nada haver com Goro, que é orgulhoso, determinado, falando o que lhe dá na telha, já Daigo, acabou ficando com a mente de um fracassado, ele acha que tudo que for fazer será um fracasso, por isso desiste cedo, mas acaba não ligando pra isso, ou será que liga? Detalhes menos importantes; no anime foi cortado o fan-service de Izumi se trocando (particularmente achei melhor desse jeito), além do jogo que Daigo está jogando em seu portátil, que claramente é um DS ou 3DS, no anime colocaram um jogo genérico de “ship shooter”, mas no mangá ele está jogando Monster Hunter.

Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Ele nem se importa mais em ter uma discussão decente com sua irmã.

Chegou à hora de falar da abertura, a música é ótima, que vai melhorando conforme mais vai se escutando, tem um ritmo empolgante, já começando com Daigo tentando alcançar seu pai percebendo que não será capaz, pelo menos não ainda, é focado em personagens que terão maior importância nessa primeira temporada, com revelações importantes, como o fato de Goro se tornar um apanhador, fazendo uma bateria com Hikaru, que nessa abertura, fica bem claro que terá um grande desenvolvimento de amizade entre os dois. O encerramento é muito tocante, nos mostrando fotos de Goro na liga principal, logo em seguida nos mostrando fotos de Daigo com seu pai e sua família, com uma música mais tranquila, muito bonita.

Mais algumas imagens interessantes, principalmente da abertura.

Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Não alcança nem a sombra.
Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Apanhador.
Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Quase não reconheci a Momoko.
Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Agora será muito mais focado em amizade?
Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Ele até tentou melhorar. =/
Major 2nd - Ep. 1: Sonhos destruídos.
Pai e Filho.

Estou confiante de que Major 2nd poderá se desenvolver muito bem, assim como foi com Major, não perca a fé continue assistindo. Pra terminar gostaria de comentar o detalhe da prévia que eu estava esperando, agora é a vez de Daigo dizer as seguintes palavras: YUME NO BUTAI HE KAKE AGARE. (Corra em direção ao palco dos seus sonhos).