Minha análise: Sukitte Ii Na Yo ( Say “I Love You”) ♕

13

 

inicial

Desculpem o meu atraso, ou melhor, o meu grande atraso, mas a partir de agora será assim. Eu estou no meu ultimo ano de estudo e vai ter que ser tudo ou nada, então, deixará de ser uma análise por semana, continuarei a publicar nos fins de semana, mas não em todos, por isso, aqui está!

Hoje o anime que vos trago é , muito conhecido também por , tendo como géneros drama e muito, mas muito romance.

 

  • Sipnose:

Esta história de primeiro amor roda em torno de Tachibana Mei, uma garota que nunca fez amigos ou teve um namorado em 16 anos. Certo dia, ela machuca Kurosawa Yamato, o garoto mais popular do colégio. Por algum motivo, Yamato se torna interessado na Mei, e começa uma amizade não correspondida com ela.

 

  • Geral:

sentimentos-pontape

Este é um daqueles animes muito raros que conseguem nos fazer sentir todos os tipos de sentimentos, tanto bons como maus.

Mostra nos muito sobre relações e como elas podem começar simplesmente por um pontapé voador e acabar muito facilmente pela mesma pessoa que o deu.

 

personagens

Este anime tem uma boa história e uma boa parte técnica, mas não é para toda a gente, já que, é basicamente romance.

Tal como todos os casais, tem as suas discussões, os carinhos, ciúmes, etc., mas essa é uma das razões de ser tão interessante, incluindo também, por causa das personagens.

A personalidade das personagens, não só as principais, mas também todas as outras, basicamente, é o que faz o anime sobreviver, com as suas histórias de vida e todos os problemas que têm.

Já a parte técnica tem a sua maneira diferente de ser, neste caso, o que mais chama a atenção, é sem duvida, os corpos e as suas formas. Para quem não sabe, muitos japoneses e asiáticos, têm uma estrutura corporal muito magra, daí os desenhos serem de tal forma.

 

reacoes

É muito interessante ver a maneira como tudo vai involuindo, apesar de ser um pouco rápido em algumas partes, tem piada as reações iniciais de Mei, já que é uma principiante no romance, todos os sentimentos e acontecimentos que ela faz são muito engraçados de ver e interpretar.

 

inimigos

Tal como em todos os animes de romance, existem os “inimigos”, aqueles que lutam para ficar com um do casal, mas como maior parte das vezes, é muito raro eles conseguirem ganhar.

 

Este anime é muito bom graças a estas razões, mas também consegue ficar secante em algumas partes assim como cansativo, mas apesar de isso é interessante ver tudo o que acontece.

 

  • Trilhas sonoras:

As trilhas sonoras são muito a base de instrumentos clássicos, como violinos e piano. Mas não deixam de ser muito boas, assim como sentimentais para os momentos em que aparecem, estando bem posicionadas.

 

OP:

 

ED:

 

  • Personagens:

                Principais:

 

mei

Tachibana Mei:

 

yamato 

Kurosawa Yamato:

 

                 Secundárias:

 

asami

Asami:

 

 nakanishi

Nakanishi:

 

 aiko

Aiko:

 

 kai

Kai:

 

 megumi

Megumi:

 

  • Parte técnica:

Este anime inicio a 6 de outubro e finalizou a 29 de dezembro, tendo o mangá iniciado em 2008 estando ainda hoje a ser publicado, pelo mangaka  Kanae Hazuki.

O estúdio animador é , também responsável por animar outros, tais como:

 

diabolik-lovers

:

 

 shounen-hollywood

Shounen Hollywood:

 

 mangaka-san-to-assistant-san

:

 

 lady-jewelpet

:

 

 matsuwano

:

 

 arve-rezzle

:

 

 aku-no-hana

:

 

Nota pessoal: 8/10

Estas são as minhas notas:

5/10: Esta será a nota mais baixa que possivelmente eu darei, acho que uma nota a baixo disto nem vale a pena avaliar, por isso apenas darei esta nota a animes que em termos de parte técnica/visual e de história sejam chatos ao ponto de morrermos de tédio.

6/10: Será aqueles que possam ter pormenores importantes, tanto em partes técnicas como na história que sejam mais “chamativos”, mas claro que não será perfeito.

7/10: Penso que nesta nota só estarão aqueles que eu posso considerar medianos, sendo nem muito bons, nem muito maus, chamativos, mas podem facilmente atrair-nos ou não, essa parte depois depende de cada um.

8/10: Darei aqueles que, como este, terão a história mais simples, e a parte técnica diferente, atraindo noa para o anime, mesmo que não seja perfeito.

9/10: Apenas em animes quase perfeitos, talvez a parte técnica melhorada e pode-se dizer “diferente” e a história criativa e boa, onde inclui as personagens também boas.

10/10: Tenho que dizer, será difícil dar esta nota a um anime, mas tenho a certeza que não impossível, tem que estar literalmente tudo perfeito, a ponto de nos fazer chorar ou rir, ou ate ambas ao mesmo tempo, apenas com pequenas coisas, a história completamente incrível, e os desenhos perfeitos.

 

Estava um pouco indecisa sobre que nota dar, mas considerando tudo, a minha nota é um 8, agora também depende um pouco da pessoa se dá a mesma nota ou não.

 

  • Trailer:

 

E acabo mais uma, estarei de volta neste fim de semana, ou no próximo, mas até lá,

                        Bjs, Ana Angel!!!