Minha análise: Tokyo Ghoul ♕

 

tokyo-ghoul

Esta semana publiquei a minha análise mais cedo já que amanhã não conseguirei e na próxima semana terá que ser igual já que irei para França nove dias e não poderei fazer a análise semanal.

Antes de começar, eu queria só dizer que é importante a diferença que o anime tem do mangá, mas neste caso, como eu não sigo o mangá, assim como também não sigo muitos outros, vamos deixar o mangá de lado e seguir apenas o anime, já que muitas vezes é por causa de isto que as opiniões são bastante diferentes, mas aqui fazem-se análises de animes.

Então, hoje trago-vos , um anime que posso dizer, impressiona muita gente pela sua diferença, neste caso a história, mas também chega a ser detestado pela mesma razão. Com muita ação, sobrenatural, mistério entre muitos outros géneros.

 

  • Geral:

 

todos

Este anime tem uma história muito boa, é incrível a imaginação que é usada para a criação de tudo, mas nota-se algumas falhas no meio de toda a animação com o decorrer da história.

É incrível toda a ideia das mascaras, dos “poderes”, e as personagens que até são bastante boas em termos de personalidade. A imaginação que teve de ser usada neste anime, nota-se que é bastante, e isso é muito bom, porque ajuda para que o anime não tenha, ou não pareça que tem, tantos eros.

 

Yoshimura

Não só uma história desenvolvida, mas também com bastantes pormenores, e um dos que me chamou mais a atenção foi a única coisa que eles podem comer, neste caso beber, como os humanos, café, podia ser tanta coisa e escolheram aquela que ficou perfeita na história, pois tudo se desenrola em volta de uma casa que vende café.

 

2 teporada

Consegue-se ver as ligações que o anime tem. Muitas partes fazem sentido, mas existe sempre aquelas que baralham mais e acabam por confundir um pouco, e onde isso se nota mais é na segunda temporada, onde existe uma grande reviravolta na história, e a personagem principal é a que surpreende mais a sua mudança.

 

  • Trilhas sonoras:

Na verdade, não vi muitos eros com as trilhas sonoras, já que eram poucas, simples e quase não se ouviam. Mas fiquei bastante desiludida por isso mesmo, com uma história boa e uma animação mediana, as trilhas sonoras foram mal escolhidas.

 

OP (1):

 

OP (2):

 

ED (1):

 

ED (2):

 

  • Personagens:

 

A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

J

K

M

M

N

O

R

S

 São bastantes personagens, e como eu costumo cortar sempre algumas, desta vez coloquei todas, também tem algumas do mangá. Se quiserem saber mais sobre as personagens é só carregar no nome que abrirá uma pagina sobre a personagem.

As personagens são bastante criativas e impressionantes, com personalidades muito diferentes, mas que, ao longo da história, vão ficando muito melhores, e algumas até chegam a mudar.

 

  • Parte técnica:

 

A parte técnica, tem uma maneira de ser bastante divergente, graças à história, mas mediana, e isso acaba por afetar todo o anime, ao ponto de, na segunda temporada, a animação cair.

O inicio da publicação do mangá foi em setembro de 2011, e o anime teve como estúdio de animação , que estriou de julho a setembro de 2014, tendo assim depois a segunda temporada de janeiro a maio de 2015.

 

Este estúdio é bastante conhecido, tanto por boas, como por más animações, e aqui estão alguns:

 

sousei

:

 

fukigen

:

 

akatsuki

:

 

baby steps

:

 

Naruto-Shippuden

:

 

Bleach

:

 

 

Nota pessoal: 7-8/10

Fiquei com algumas duvidas neste anime que nota meter, já que é mais complicado do que os outros, então acabei por deixar assim, penso que ele fica no meio.

Estas são as minhas notas:

5/10: Esta será a nota mais baixa que possivelmente eu darei, acho que uma nota a baixo disto nem vale a pena avaliar, por isso apenas darei esta nota a animes que em termos de parte técnica/visual e de história sejam chatos ao ponto de morrermos de tédio.

6/10: Será aqueles que possam ter pormenores importantes, tanto em partes técnicas como na história que sejam mais “chamativos”, mas claro que não será perfeito.

7/10: Penso que nesta nota só estaram aqueles que eu posso considerar medianos, sendo nem muito bons, nem muito maus, chamativos, mas podem facilmente atrair-nos ou não, essa parte depois depende de cada um.

8/10: Darei aqueles que terão a parte visual “simples”, porque se a parte da história fosse simples em vez da parte visual acho que o anime “morria”, por isso penso que será só na parte técnica.

9/10: Apenas em animes quase perfeitos, talvez a parte técnica melhorada e pode-se dizer “diferente” e a história criativa e boa, onde inclui as personagens também boas.

10/10: Tenho que dizer, será difícil dar esta nota a um anime, mas tenho a certeza que não impossível, tem que estar literalmente tudo perfeito, a ponto de nos fazer chorar ou rir, ou ate ambas ao mesmo tempo, apenas com pequenas coisas, a história completamente incrível, e os desenhos perfeitos.

 

Trailer:

 

Então por hoje é tudo.

Estarei à espera de comentários,

                     Ana Angel!!!

Subscreve
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments