Primeiras impressões de Keep Your Hands Off Eizouken!

Chegamos a temporada de inferno 2020 e dentre os muitos os muitas séries que serão lançadas nesta temporada a adaptação para série anime do mangá Eizouken ni wa Te o Dasu na! (Keep Your Hands Off Eizouken!) de Sumito Ōwara já chegou chamando a atenção do público por diversos motivos.

O anime estreio no dia 05 de janeiro com a animação do e a direção é de (Devilman crybaby, Ping Pong the Animation, Mind Game). O design de personagens é de Naoyuki Asano (Saint Young Men, Mr. Osomatsu) e a música é da responsabilidade de Oorutaichi (Kick-Heart, Lu over the wall).

A série é estrelada por Sairi Itou como Midori Asakusa, Mutsumi Tamura como Sayaka Kanamori, Misato Matsuoka como Tsubame Mizusaki, Yumiri Hanamori como Doumeki, Mikako Komatsu como Sowande Sakaki e Kazuhiko Inoue como Mr. Fujimoto.

O anime segue Midori, Tsubame e Sayaka, um trio enérgico de meninas do primeiro ano do ensino médio que se reúnem no Eizouken (Clube de pesquisa de vídeo) para transformar os seus sonhos de anime em realidade. Midori está nervosa por criar um anime sozinha. Ela conhece Tsubame, que sonha ser uma animadora. A melhor amiga de Midori, Sayaka, tem o sentido financeiro de concretizar o projeto e une-se à dupla na sua missão.

Primeiramente temos que destacar neste primeiro episódio de Keep Your Hands Off Eizouken! a sua animação e o visual dos personagens e ambientes. Visualmente os personagens possuem características únicas que as diferenciam de muitas formas e ainda mostra parte de sua personalidade, isso vai desde o tipo de cabelo até o desenho da bolsa que elas utilizam, e o visual de Tsubame ainda consegue remeter ao visual de personagens de desenhos americanos. O visual dos ambientes possuem uma características que parece ser algo fantástico, ao mesmo tempo que lembra algo antigo e resulta em algo bem único para a série.

A animação deste episódios foi muito fluida e ao mesmo tempo me remeteu, de uma forma muito positiva, a desenhos antigos, a forma como os atores de voz interpretam as protagonistas apenas adiciona mais características a personalidade delas e a trilha e efeitos sonoros (principalmente na cena da libélula) é algo incrível.

Neste primeiro episódio achei interessante que ele foi dividido em uma primeira parte para apresentar as protagonistas e uma segunda parte para mostrar coisas mais técnicas sobre animação. Midori aparenta ser um tipo de personagem que esta em busca de seu sonho de fazer um anime ao mesmo tempo que sua personalidade tímida a impede de correr atrás das coisas sozinha, Sayaka parece ser o tipo de personagem mais analítica mas que toma a iniciativa apenas se algo ira lhe trazer algum benefício e Tsubame parece que será a personagem que ira fazer rodar alguns dos principais acontecimentos por causa da condição de seus pais baterem contra o seu sonho de ser animadora.

A forma como as três personagens interagem na primeira parte deste primeiro episódio é bastante dinâmico, divertido e ainda consegue apresentar bem a personalidade delas. Já a segunda parte vai para o lado mais técnico sobre o início do processo de uma animação, nesta parte existe o uso de nomes técnicos porem é feita explicações de uma forma bem simples e que torna as coisas bem mais fácil de ser compreendida. A cena da libélula acaba representando um lado lúdico das personagens imaginando o uso do que elas criaram em ação e isso acabou me fazendo ter sentimentos muito nostálgicos por essa cena lembrar muito alguns desenhos infantis que assisti quando criança.

No geral, Keep Your Hands Off Eizouken! começou muito bem em seu primeiro episódio ao apresentar protagonistas interessantes, uma premissa com muito potencial de desenvolvimento, animação muito fluida, visual de personagens e de ambientes incríveis e trilha e sonorização que trazem um lado divertido e nostálgico. Com toda certeza esse anime merece ser acompanhado nesta temporada.