Sabiam por que razão o Super Saiyan 4 é tão diferente das restantes transformações?

Conhece as origens da criação desta forma selvagem

Super Saiyan 4, é uma das transformações mais identificáveis e célebres do universo Dragon Ball. A mistura entre Son Goku e uma Pantera Cor de Rosa na teoria parece não funcionar, mas facto é que conquistou os maiores fãs da obra de Akira Toriyama. Contudo, o que muitos talvez não possam saber são as inspirações que levaram a criar a mesma.

Katsuyoshi Nakatsuru foi um animador da Toei Animation que preencheu o lugar de Minoru Maeda e continuar desenhar as personagens da adaptação televisiva de Dragon Ball Z. Os seus trabalhos podem ser acompanhados desde o “filler” do torneio do mundo do além -quando Goku morre nos Cell Games- até ao final de Dragon Ball GT.

A certa altura Katsuyoshi recebe a tarefa dantesca de criar uma nova forma para Goku para a série, Dragon Ball GT, como sabemos esta foi estritamente televisiva onde mesmo assim ao contrário do que muitos desconhecem o seu criador original Akira Toriyama, fez parte inicialmente, visto que criou o conceito, desenhou o logótipo, o trio personagens -Goku, Trunks e Pan, o Robot Giru, a nave da Capsule Corp onde o grupo viajou pelo universo, e algumas ilustrações que foram utilizadas e redesenhadas no encerramento da série “Hitori Ja Nai”. Na altura o talento da Toei sentiu muita pressão por este pedido, pois não só seria uma tarefa bem complicada como um efeito que teria muito impacto na história. Katsuyoshi acreditava ser impossível, pois o “Super Saiyan 3” e as fusões já eram elementos bem difíceis de ultrapassar quer em poderes como em aspetos visuais.

Foi então tomou a decisão de focar-se noutros campos e em vez de simples diferenças cosméticas capilares, e criou um aspeto totalmente de raiz. Para tal, Katsuyoshi regressou às origens de Dragon Ball, mais especificamente quando Goku se transformava em Oozaru. O ilustrador resolveu juntar os elementos de Saiyan e Oozaru na futura transformação do Goku, para introduzir-lhe um aspeto mais tribal. Contudo, o maior registo visual desta forma foi retirado dos Kabuki, atores de teatro japoneses conhecidos pela estilização do drama, por uma elaborada maquilhagem, onde a dança, a habilidade e a mímica são os seus maiores destaques. Para terem uma ideia a personagem Kyoshiro de Samurai Shodown representa estes registos exemplarmente.

O aspeto tribal dos Kabuki era perfeito, não só o cabelo se assemelha a uma juba como os contornos em redor dos olhos davam-lhe um aspeto bem identificável. Para lhe introduzir elementos de junção entre homem e animal, Katsuyoshi resolveu parcialmente cobrir-lhe o peito com pelo, e para manter uma identificação “Goku” as suas calças amarelas foram mantidas -que magicamente aumentam de tamanho. O nome “Super Saiyan 4”, foi mantido por conveniência, a cor vermelha por ser a que mais se identificava nos Kabuki, e o seu aspeto adulto foi introduzido para demonstrar uma maior foco na luta. Como sabemos esta transformação é um dos elementos mais acarinhados pelos fãs de Dragon Ball GT. A sua forma completamente diferente conquistou uma legião de fãs, sendo uma das mais recorrentes em qualquer tipo de “media” Dragon Ball. Até mesmo o próprio Katsuyoshi Nakatsuru, que só conheceu pessoalmente Akira Toriyama no final de Dragon Ball GT, foi congratulado pela criação da forma mais poderosa de Goku na altura. Mesmo presentemente, existe o debate se um Super Saiyan 4 é mais forte do que um Super Saiyan God Super Saiyan (Blue). Que acham?

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.
Subscreve
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments