Seiyuu de One Piece revelam quais foram as inspirações para interpretar as personagens

Durante uma transmissão na Virtual Crunchyroll Expo 2020, os seiyuu de Luffy, Zoro, Sanji e Chopper, foram convidados e questionados acerca de quais foram as inspirações para interpretarem as suas personagens.

Mayumi Tanaka, a atriz que interpreta o capitão dos Chapéus de Palha respondeu:

“Bem, infelizmente, não tenho amigos piratas, então não me posso inspirar em nada concreto. Mas em conversas com Eiichiro Oda, algumas vezes mencionava, “Isto é mesmo a cara do Luffy”. Então tento manter essas coisas em mente quando dou voz à personagem.”

Kazuya Nakai, o valente espadachim da tripulação e sem noção de sentido de orientação respondeu:

“Eu diria mesmo que a base foi a arte no manga. Quando vi pela primeira vez, o visual do Zoro fazia-me questionar se realmente seria um vilão pelo modo de como a sua face estava envolta em sombras. Aquela vibe sinistra ajudou-me a formar a imagem da personagem. Mas, ao mesmo tempo, nas cenas cómicas, por exemplo, o Zoro fica com os dentes para fora, então também reparei que possuía um lado cómico e divertido. Desde então fui preenchendo as suas as lacunas com base nestes valores. Outra coisa que diria que me ajudou a criar uma base é algo que eu sempre notava ao assistir animes quando era criança. O protagonista tinha sempre um amigo ao seu lado, que era como um braço direito bem porreiro e meio niilista. Existem muitas personagens assim e todas fazem parte da imagem que tenho do Zoro. Então existe uma boa hipótese de que vá a incluir estes valores inconscientemente, incorporando no Zoro as coisas que sinto que tornavam essas personagens interessantes.”

Hiroaki Hirata, o cozinheiro mulherengo do grupo comentou:

“Não tinha nenhuma ideia em mente quando decidi interpretar a personagem. Tudo se originou no manga. Apenas imaginei que a audiência provavelmente gostaria de ouvir a voz de uma certa maneira. Algo que pareceria particularmente interessante como os leitores do manga imaginam naquele momento. Faço isto há bastante tempo, então talvez possam existir exceções. Mas sinceramente, não me lembro de nada no momento. Então baseio-me simplesmente no manga.

Finalmente, Ikue Otani que veste o pelo do ternurento médico da tripulação argumentou:

“Bem, vejamos quando o Chopper aparece pela primeira vez…

O facto que não era humano, era diferente dos outros devido ao nariz azul, e o que o fez ser rejeitado por sua mãe… enfim, haviam diferentes fatores que o isolavam, e a história fez um ótimo trabalho mostrando o quanto desejava ter amigos. O modo como carregava essa solidão dentro de si, e como ele estava sedento por amizade e afeto, ajudaram bastante a entendê-lo.”