Studio Ponoc lança programa de treino de animadores para filmes anime

Studio Ponoc quer combater a falta de animadores

Studio Ponoc lança programa de treino de animadores para filmes anime

O , fundado pelo antigo produtor do , Yoshiaki Nishimura, abriu as inscrições para o seu programa de treino de animadores. Intitulado Programa “Princípios da Animação” da Ponoc (P.P.A.P.), o programa visa treinar jovens animadores para trabalhar em filme anime.

Não é necessária nenhuma formação académica ou experiência. Pessoas de qualquer nacionalidade podem inscrever-se, desde que possam comunicar em japonês. Aqueles que forem aceites no programa de um ano aprenderão os fundamentos da animação com o objetivo de trabalhar como um animador de primeira classe. Também receberão um contrato de trabalho garantido com uma remuneração de 224.000 ienes (aproximadamente 2.026 dólares) por mês. Após o término do período de treino, também existe um sistema para contratar animadores como funcionários a tempo integral.

Segundo o Studio Ponoc, um problema crónico que a atual indústria de animação enfrenta é a escassez de criadores. Embora a animação japonesa desenhada à mão chame a atenção de todo o mundo, a quantidade de criadores qualificados não consegue acompanhar o número de trabalhos animados. Se a indústria demorar muito para cultivar talentos, isso causará problemas de capital, tempo e treino. A formação de criadores qualificados é necessária para a indústria como um todo. A própria solução do Studio Ponoc para esse problema foi iniciar o seu próprio programa de treino.

Para além do P.P.A.P., o Studio Pono também está a contratar alunos da graduação de 2022 como funcionários a tempo integral como assistentes de produção e papéis intermediários de animação.

O animou Mary and the Witch’s Flower ou Mary e a Flor da Feiticeira, um filme que estreou recentemente nos nossos cinemas e ainda Modest Heroes (Heróis Modestos / Chiisana Eiyū: Kani to Tamago to Tōmei Ningen)..

Subscreve
Notify of
guest

5 Comentários
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
Andarilho Yhan
7 , Abril , 2021 23:17

Que pena que apenas só pra quem sabe japonês, é uma baita ótima entrada pro mercado japonês, eu já animo em cel, se me permitissem animar por aqui eu trabalharia de boa com eles mas preciso estudar japonês, quem sabe no futuro.

🍦Pico Trap Delícia🍦
🍦Pico Trap Delícia🍦
6 , Abril , 2021 19:50

Ah se eu soubesse japonês.🍦

Art
Art
6 , Abril , 2021 15:48

Iniciativa interessante, se a indústria como um todo tivesse mais preocupação com relação a isso, porque por mais que tenham pessoas que gostem dessa profissão e queiram trabalhar nisso, não seriam malucos para ingressar nesse ramo, considerando os salários e as péssimas condições que alguns estúdios e produtoras praticam.

light 701
light 701
Reply to  Art
6 , Abril , 2021 18:33

Olha pelo que ando vendo as coisas vem melhorando nesses ultimos anos, mas ainda sim a varios animadores trabalhando em pessimas condiçoes, especialmente aqueles que trabalham em studios pequenos e médio, Mad House é um bom exemplo do que não fazer ainda

Ryulion
Ryulion
6 , Abril , 2021 17:08

“Desde que possam comunicar-se em japonês”, o jisho, o tanoshii e até o próprio google dão conta, mas aí vem a parte do contrato. Ali não tem como seguir sem saber o mínimo de japonês. Algo a se pensar…