Live-action de Mulan sofre boicote após atriz criticar protestos em Hong Kong

Primeira foto do filme live-action de Mulan

Através da rede social chinesa Weibo, a atriz Liu Yifei, protagonista do live-action de Mulan, afirmou estar ao lados dos policiais de Hong Kong e disse que os protestos que ocorrem atualmente na ilha são uma “vergonha para Hong Kong”.

Rapidamente a declaração da atriz gerou uma onda de revolta no Twitter, onde a hashtag #BoycottMulan (“Boicote Mulan”) chegou entre os assuntos mais comentados nos Estados Unidos e em Hong Kong.

Desde o mês de julho está ocorrendo em Hong Kong uma onda de protestos, inicialmente contra um projeto de lei que permitia a extradição de pessoas para a China Continental em caso de acusação de crime e recentemente em um movimento pró-democracia e por um pedido de renuncia da governadora Carrie Lam.

A estreia nos cinemas da adaptação para filme live action de Mulan vai acontecer a 27 de março de 2020 e Liu Yifei (The Forbidden Kingdom, Once Upon a Time) foi escolhida para interpretar Hua Mulan após um longo ano de casting.

A ela juntam-se: Donnie Yen (Rogue One: A Star Wars Story); Jason Scott Lee (Crouching Tiger, Hidden Dragon: Sword of Destiny); Yoson An (The Meg); Utkarsh Ambudkar (Pitch Perfect); Ron Yuan (Marco Polo); Tzi Ma (Arrival); Rosalind Chao (Star Trek: Deep Space Nine); Cheng Pei-Pei (Crouching Tiger, Hidden Dragon); Nelson Lee; Chum Ehelepola; Gong Li (Memoirs of a Geisha, Raise the Red Lantern) e Jet Li (Shaolin Temple, Lethal Weapon 4).

Em Mulan seguimos a história de uma jovem destemida e corajosa que decide colocar em risco a sua vida para salvar o seu pai e a sua Pátria. Quando o seu país é invadido e o seu pai doente é recrutado para a guerra, Mulan decide disfarçar-se de homem, treinar para se tornar num bom soldado e, assim, ocupar o lugar do seu pai no exército chinês. Acompanhada pelo seu gentil e engraçado dragão de guarda, Mushu, Mulan treina para ser um soldado habilidoso e valente e acaba por aprender muitas lições sobre coragem, honra e amor.