Companhia de Karts obrigada a pagar à Nintendo 50 milhões de ienes

O Supremo Tribunal de Propriedade Intelectual divulgou o texto completo do seu julgamento interino sobre a disputa legal da Nintendo contra a Mari Mobility Development (anteriormente MariCar), uma conhecida companhia de karts que se tornou numa atração turística em Tóquio.

O tribunal decidiu a favor da Nintendo e ordenou à Mari Mobility Development que pague 50 milhões de ienes (466 mil dólares) à Nintendo. Este é um aumento de 10 milhões de ienes, que o Tribunal Distrital de Tóquio ordenou que a Mari Mobility Development pagasse no seu veredicto em 2017.

O documento de 130 páginas também diz à Mari Mobility Development para cessar o uso do logótipo da Nintendo e para removê-lo das suas operações comerciais, materiais publicitários e carrinhos. A empresa de aluguer de karts também foi solicitada a cancelar o registo do nome de domínio “MariCar“.

A Nintendo argumentou no tribunal que o termo “MariKar” é bem conhecido como referência ao seu jogo de corrida Mario Kart, que a MariCar não tinha permissão para usar trajes de personagens de Mario comercialmente, nem tinha permissão para usar imagens e fotos dos jogos da Nintendo para fins publicitários.

Subscreve
Notify of
guest

11 Comentários
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
Resumo de Livros
Resumo de Livros
11 , Julho , 2019 3:41

propriedade intelectual não existe.

Fantasma Renegado
Fantasma Renegado
Reply to  Resumo de Livros
11 , Julho , 2019 6:17

Existe e muito! Tenta copiar a resposta do seu amiguinho na escola em prova dissertativa e vê o que acontece…

É daí pra pior nas empresas.

Royalties, patentes, marcas rodam mais grana do que você jamais pode imaginar.

O Brasil até quis tirar a marca comercial Amazon daquela empresa via justiça dos EUA porque a marca tá valendo bilhões. A empresa até poderia continuar com a marca, mas teria que pagar milhões ao governo brasileiro. O Brasil perdeu porque não tinham provas que a marca remetia à floresta, afinal a origem do termo é da tribo de mulheres mitológica.

Aliás, até a ideia de “religião” e “nação” podem ser enquadrados como propriedade intelectual.

Fantasma Renegado
Fantasma Renegado
Reply to  Resumo de Livros
11 , Julho , 2019 6:17

Existe e muito! Tenta copiar a resposta do seu amiguinho na escola em prova dissertativa e vê o que acontece…

É daí pra pior nas empresas.

Royalties, patentes, marcas rodam mais grana do que você jamais pode imaginar.

O Brasil até quis tirar a marca comercial Amazon daquela empresa via justiça dos EUA porque a marca tá valendo bilhões. A empresa até poderia continuar com a marca, mas teria que pagar milhões ao governo brasileiro. O Brasil perdeu porque não tinham provas que a marca remetia à floresta, afinal a origem do termo é da tribo de mulheres mitológica.

Aliás, até a ideia de “religião” e “nação” podem ser enquadrados como propriedade intelectual.

kurama youko
kurama youko
Reply to  Resumo de Livros
11 , Julho , 2019 10:23

Não no seu mundo

Resumo de Livros
Resumo de Livros
Reply to  kurama youko
11 , Julho , 2019 16:11

no meu mundo, e no de todos que conhecem a Escola Austriaca de economia. Me prove que você consegue ser dono de uma ideia, que essa ideia não é infinita, que dai você conseguirá ser dono dela. No caso isso é impossível, pois duas pessoas podem usar a mesma ideia ao mesmo tempo, isso não causa nenhum conflito.

this guy
this guy
Reply to  Resumo de Livros
12 , Julho , 2019 22:57

Se vc digamos criasse uma história e a partir dessa história vc criasse toda uma franquia, incluindo livros, jogos, e fantasias, vc ainda iria falar que propriedade intelectual não existe, ou no momento em que alguém se apropriasse de alguma vertente da sua marca e lucra-se em cima vc não iria no mesmo instante meter um processo nessa pessoal para defender a sua marca, ideia e o mundo que vc criou?

Nomura-San
Nomura-San
Reply to  this guy
26 , Agosto , 2019 7:49

Ué eu só colocar que se a pessoa usar qualquer coisa minha marca, uma parte dos lucros iria para mim

this guy
this guy
Reply to  Nomura-San
19 , Novembro , 2020 2:41

Nn, muito provavelmente se for algo que vc fez como sendo sua obra prima vc iria ficar puto com alguém assim e iria nem lembrar dessa frase de que propriedade intelectual não existe, e se isso fosse levado para o seu mundo onde propriedade intelectual não existe, eu duvido que a pessoa que está fazendo isso iria querer compartilhar os lucros, e pé a iria usar o mesmo argumento que isso não existe, e iria tentar provar que a sua ideia era infinita e assim seguindo as suas próprias palavras ela poderia se apropriar facilmente da sua ideia.

Vincent Kovacs
Vincent Kovacs
Reply to  this guy
12 , Dezembro , 2020 3:00

Gente, só ignora, ancap anti propriedade intelectual é só gente que não sabe como o mundo funciona. Eles querem se fechar na bolha de conceitos deles e ignorar todo o mundo a sua volta. Cansei de ver eles tentando dizer que porque coisas do mundo de hoje não se adequam a um conceito do séc XVIII a coisa não pode existir, é a mais pura balela academicista que eu já vi.

this guy
this guy
Reply to  Vincent Kovacs
12 , Dezembro , 2020 3:11

Concordo com vc em gênero, número e grau, mas é complicado mesmo, o cara achar que todo mundo vai respeitar um projeto dele, e que ninguém ia voar em cima ora pegar o dinheiro pra si.

kurama youko
kurama youko
Reply to  Resumo de Livros
12 , Julho , 2019 22:57

No próprio post tem a resposta.