Homem que adora o vilão Joker de Batman feriu 17 pessoas no Japão

Vídeo dramático das pessoas a fugir no metro de Tóquio

Na noite de Halloween foi preso um homem no metro de Tóquio por um ataque com faca e incêndio que feriu 17 pessoas. O homem afirmou aos investigadores que adora o Joker de Batman e lamentou não ter matado ninguém.

Kyota Hattori, de 24 anos, foi preso no local sob suspeita de tentativa de homicídio na noite de domingo, e também foi citado como tendo dito que “queria matar pessoas e receber a pena de morte” e que esteva a “pensar desde junho em ser condenado à morte”.

Fotos e vídeos colocados nas redes sociais mostraram um homem no local vestindo com uma camisa verde e um terno roxo no que parecia ser uma fantasia do Joker.

Cerca de duas horas antes do incidente, Hattori visitou o distrito de Shibuya, em Tóquio, um local famoso pelos seus festejos de Halloween.

Hattori disse à polícia que escolheu uma carruagem com destino ao centro da cidade que faz poucas paradas porque geralmente está lotado de passageiros. Ele lamentou não ter matado ninguém no ataque, disse à polícia.

Dos 17 feridos, um homem de 70 anos está em estado crítico depois de supostamente ter sido esfaqueado por Hattori no peito enquanto por volta das 20h. O suspeito também causou um incêndio na carruagem usando combustível de isqueiro. As outras 16 vítimas com idades entre adolescentes e 60 anos sofreram ferimentos leves, incluindo inalação de fumo.

Hattori também foi citado como tendo dito que falhou no trabalho e teve problemas no relacionamento com os seus amigos.

O incidente ocorreu num metro com destino a Shinjuku, uma estação movimentada no centro de Tóquio, de Hachioji, no oeste da capital, causando pânico entre os passageiros que lutaram para escapar pelas janelas.

A carruagem fez uma parada de emergência na estação Kokuryo em Chofu, oeste de Tóquio, mas as suas portas não se abriram imediatamente.

A Keio Corp afirmou que a carruagem não parou na posição certa e que a equipa decidiu não abrir nenhuma porta para evitar que os passageiros caíssem entre a trem carruagem e a plataforma. O maquinista não sabia o que tinha acontecido naquela altura, disse a empresa.

Em baixo vídeo de Kyota Hattori vestido de Joker.

A polícia encontrou uma faca, várias garrafas de plástico que possivelmente continham combustível de isqueiro e uma lata de aerossol.

Após o incidente, o ministério dos transportes pediu a todas as empresas ferroviárias do Japão que reforçassem a vigilância para garantir a segurança.

Uma série de ataques em carruagens e instalações de estações na área de Tóquio ocorreram recentemente. Um homem esfaqueou 10 passageiros em agosto numa carruagem da Odakyu Electric Railway.

A 15 de outubro, dois homens foram esfaqueados por um homem na estação JR Ueno. Num incidente separado, duas pessoas ficaram feridas numa estação de metro de Tóquio no final de agosto, depois de um homem atirar ácido sulfúrico para o rosto de outro homem.

On Oct 15, two men were stabbed by a man at JR Ueno Station. In a separate incident, two people were injured in a Tokyo subway station in late August after a man sprayed sulfuric acid at the face of another man.

Fundou o OtakuPT em 2007 e desde então já escreveu mais de 40 mil artigos sobre anime, mangá e videojogos.