Japonês de 45 anos roubou 100 uniformes escolares

Japonês de 45 anos roubou 100 uniformes escolares

O jornal japonês Sankei Shimbun revelou que a Polícia da Prefeitura de Osaka prendeu um homem de 43 anos pelo roubo do uniforme de uma estudante no início de novembro de 2020.

Por volta das 13:15 do dia 19 de outubro, Sato supostamente invadiu uma escola secundária na prefeitura e roubou um uniforme de uma estudante de um vestiário do ginásio.

Após a sua prisão por suspeita de invasão e roubo, Sato admitiu as acusações, afirmando:

Fiz isso para satisfazer o meu desejo sexual.

Um mês depois, dia 16 de novembro, Sato volta a ser identificado pela polícia por um crime semelhante, e desta vez decidem revistar a sua casa onde encontraram 100 uniformes de meninas do ensino básico e secundário e roupas de ginástica.