Deliver Us The Moon é cancelado para a Nintendo Switch

A versão Nintendo Switch de Deliver Us The Moon foi cancelada, conforme anunciado pela editora Wired Productions.

As versões PlayStation 4 e Xbox One de Deliver Us The Moon foram lançadas a 24 abril, após o lançamento inicial da versão PC Steam em outubro de 2019. Uma versão Nintendo Switch também estava planeada para lançamento durante este verão.

De acordo com a Wired Productions, o cancelamento desta versão foi decidido “com base nos vários fatores sentidos por toda a indústria, devido à pandemia causada pelo COVID-19.

Olá, astronautas,

Faz um pouco mais de seis semanas que lançamos o jogo na Xbox One e na PlayStation 4 – e ficamos impressionados com o amor, a paixão e o feedback positivo do jogo mostrado pelos fãs em todo o mundo.

Tínhamos planeado incluir a Nintendo Switch na nossa agenda de lançamentos. No entanto, hoje, infelizmente, trazemos más notícias, não lançaremos a versão para a Nintendo Switch de Deliver Us The Moon .

Temos deveres com os nossos jogadores e as nossas equipas e, após cuidadosa consideração, descontinuamos o seu desenvolvimento.

A decisão foi tomada com base em vários fatores, não ajudados causados pelas tensões de toda a indústria que foram sentidas pela pandemia do COVID-19, e que tornaram cada tarefa um pouco mais difícil.

Entendemos a deceção que este anúncio possa causar-vos e, se encomendaram o jogo para a Nintendo Switch, podem entrar em contrato com a vossa loja para cancelá-la.

Obrigado pela vossa paciência e apoio – outras missões já começaram e estamos ansiosos para partilhar notícias sobre onde estes foguetões nos levarão a seguir…

Deliver us the moon, está a venda para a PlayStation 4, Xbox One e PC Steam, infelizmente, já não será lançada uma versão para a Nintendo Switch.

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.