Mais...
    InícioJogosM. Bison de Street Fighter 6 não é uma nova personagem

    M. Bison de Street Fighter 6 não é uma nova personagem

    M. Bison, o icónico vilão da série Street Fighter vai fazer a sua estreia em Street Fighter 6 no 26 de junho para PlayStation 4, PlayStation 5, Xbox Series e PC (Steam). Contudo, se tivermos em conta a cena final do chefe da Shadaloo em Street Fighter V e da sua história de troca de corpos, a maioria dos fãs presumiu que iríamos ver uma nova cópia de M. Bison em Street Fighter 6. Porém, o diretor do jogo revelou recentemente alguns detalhes interessantes sobre o regresso de M.Bison que sugerem o contrário.

    No final do modo história de Street Fighter V, M. Bison é derrotado por Ryu, e o seu corpo parece desintegrar-se. No recente anúncio de Street Fighter 6 M. Bison foi descrito como um “ditador amnésico” em busca de uma identidade. Isto levou os fãs a acreditar que M. Bison está a habitar um novo corpo depois de perder as suas memórias passadas. No entanto, Takayuki Nakayama, o diretor de Street Fighter 6, comentou durante uma entrevista recente na revista Famitsu, que se jogarmos o modo arcade de Street Fighter 6, veremos que M. Bison é o verdadeiro e que não tem um corpo novo.

    Nakayama clarificou ainda mais este mistério quando refere que uma das poses de vitória de M. Bison inclui uma cena a segurar sua mão direita que tem uma enorme cicatriz, que é a mesma que vimos no desfecho da sua luta com Ryu no final em Street Fighter V. Neste sentido, M. Bison vai ser fisicamente o mesmo. No entanto, perdeu a memória e até se esqueceu do seu nome e já não é o antagonista principal de SF6, uma vez que esse papel foi assumido por JP.

    Aparentemente, a aparição de M. Bison em Street Fighter 6 foi decidida há muito tempo, pois Nakayama revela que a equipa começou a trabalhar na personagem assim que terminou de criar o alinhamento inicial de 18 personagens. A sua história será entrelaçada com outras personagens DLC do Ano 1, como Rashid, Akuma e A.K.I.

    SourceFamitsu
    Bruno Reis
    Bruno Reis
    Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.

    Artigos Relacionados

    Subscreve
    Notify of
    guest

    0 Comentários
    Inline Feedbacks
    View all comments
    - Publicidade -

    Notícias

    Populares