Ni No Kuni: Cross Worlds chega ao ocidente com polémica

Criptomonedas e NFT em Ni No Kuni: Cross Worlds

Ni no Kuni: Cross Worlds foi finalmente disponibilizado no ocidente para dispositivos o iOS e Android para além do PC mas os jogadores não gostaram de ver introduzidas no jogo criptomonedas.

A polémica desenrola-se à volta da decisão da NetMarble escolher integrar criptomoedas e tecnologia blockchain em Ni No Kuni: Cross Worlds. Além disso, confirmaram que têm planos de incluir NFT até ao final de 2022.

O site oficial diz que os jogadores “poderão obter moedas jogando”. As moedas têm o nome “Territe” e “Asterite”. A primeira moeda é obtida jogando normalmente, enquanto a segunda é obtida no modo PVP. Estas podem ser trocados por criptomoedas na plataforma Marblex, que é propriedade da produtora.

No site oficial podemos ler:

Ni no Kuni: Cross Worlds é uma expansão da série Ni no Kuni que reimagina o mundo dos jogos originais. Gráficos em estilo de anime renderizados com o Unreal Engine 4, cenas emocionantes e músicas originais do consagrado compositor de trilhas sonoras para as animações do Studio Ghibli, Joe Hisaishi, se combinam para mergulhar os jogadores em uma experiência semelhante a um filme animado interativo. Ni no Kuni: Cross Worlds emprega um sistema de blockchain baseado no jogo, dando aos jogadores que se divertem com Ni no Kuni: Cross Worlds a oportunidade de ganhar fichas enquanto jogam.

Os jogadores podem adquirir dois tipos de fichas no sistema de blockchain de Ni no Kuni: Cross Worlds, e nossa equipe fará o melhor para preservar os valores das fichas.

Subscreve
Notify of
guest
1 Comentário
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
RonanfalconD
Ronanfalcon
20 , Junho , 2022 21:11

Mais uma franquia que foi elogia, no seu tempo, e “resolveram” que precisam manchar sua história fazendo um gacha dele.