SEGA desenvolve Sonic Frontiers visando receber boas críticas pelos jogadores e pela imprensa

Um ponto de viragem para a série

Haruki Satomi e Koichi Fukazawa, os CEO e CFO da Sega Sammy, respetivamente, estiveram recentemente numa entrevista no website VGC.

Sonic Frontiers é um jogo de mundo aberto de Sonic

Quando questionados sobre os objetivos de Sonic Frontiers, a primeira aventura em mundo aberto e o próximo jogo 3D de Sonic The Hedgehog, a dupla indicou que está a desenvolver um jogo robusto que almeja alcançar boas classificações em sites como o Metacritic, porque podem ser impulsionadores de vendas.

Haruki Satomi e Koichi Fukazawa comentaram o seguinte:

Estabelecemos metas internas, dado que a correlação entre as pontuações das organizações de avaliação externas e as vendas é alta na Europa e na América do Norte. Se o jogo conseguir obter uma pontuação alta, pode tornar-se num jogo obrigatório e possivelmente gerar sinergia com as vendas, por isso estamos a trabalhar arduamente para melhorar a qualidade do jogo visando as vendas durante a temporada natalícia.

De salientar que a marca Sonic The Hedgehog foi a que mais receitas gerou no relatório fiscal, daí que seja importante que o jogo receba boas críticas.

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.
Subscreve
Notify of
guest
1 Comentário
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
Vitor Eduardo Oliveira
Vitor Eduardo Oliveira
21 , Maio , 2022 16:41

O Sinal de que o Jogo será um Lixo