Steam Deck – A consola portátil da Valve

Desfruta de toda a tua biblioteca Steam em qualquer hora e em qualquer lugar

Steam Deck visual

Já há algum tempo que existiam rumores que a Valve estava a produzir um dispositivo portátil, semelhante à Nintendo Switch. Estes apontavam para um aparelho alimentado com a tecnologia RDNA2, e que teria como sistema operativo o Steam OS 3.0.

Muitos especulavam que fosse apresentado na E3 2021, mas infelizmente não aconteceu. Contudo, algumas semanas mais tarde a Valve anunciou a Steam Deck, a sua nova consola portátil.

Segundo as especificações oficiais, a Steam Deck possui um processador AMD Zen 2 quad-core com uma frequência até 3,5 GHz, e 8 núcleos GPU baseados na arquitetura RDNA2 com frequências até 1,6 GHz. A potência deste APU é supostamente de 4 a 15W.

A Steam Deck possui 6 GB de memória LPDDR5 (5500 MT / s) e 64 GB de armazenamento eMMC. Adicionalmente, o dispositivo oferecerá 256 GB de SSD NVMe ou SSD NVMe de 512 GB, (consoante o modelo) e cada possuirá uma slot para um cartão micro SD de alta velocidade.

Respeitante ao ecrã, a Steam Deck possui um painel 1280 x 800 de 7″ polegadas com uma taxa de atualização de 60 Hz e 400 nits de brilho.

As pré-reservas começarão amanhã, já que o lançamento do dispositivo está previsto para dezembro de 2021. Semelhante à híbrida da Nintendo também a Steam Deck terá uma dock, mas será vendida separadamente. A consola estará disponível em três modelos e custará 419€ para a versão de 64 GB, 549€ para o modelo de 256 GB e 679€ para a versão de 512 GB.

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.