Stranger of Paradise – Final Fantasy Origin está mergulhado em muito chaos

Chaos, chaos, I wanna chaos

A Square Enix anunciou que a demo para PlayStation 5 do jogo Stranger of Paradise: Final Fantasy Origin está temporariamente indisponível. Embora esta possa ser transferida através da PlayStation Store, não pode ser desfrutada porque os dados do jogo estão corrompidos. A Empresa indica que está a trabalhar numa correção, e avisará através do Twitter quando a situação estiver resolvida. Contudo, não sabemos se este problema vai afetar a programação prevista para a demo.

Como se não fosse bastante, o chaos -literalmente que se instalou nas redes sociais após a revelação do jogo foi imenso. Os fãs de Final Fantasy não aprovaram as personagens, os grafismos, e a sua direção juvenil. Imediatamente após o anúncio oficial deste Isekai, as redes sociais inundaram-se de muito caos.

Contudo, o que muitos desconhecem, é que o jogo também é baseado numa obra manga criada por Kameya Itsuki, onde um funcionário da Square Enix morre, e encarna como uma personagem de Final Fantasy num dos seus mundos, o que pode explicar o porquê de designs mais realistas nas personagens ao invés de fantasia.

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.