Ubisoft perde o diretor criativo de Assassin’s Creed Valhalla

Através de um e-mail interno, foi informada a decisão de demitir Ashraf Ismail da Ubisoft. O ex-diretor criativo de Assassin’s Creed Valhalla, foi afastado da empresa por estar envolvido num caso extraconjugal e envolvimentos com várias mulheres.

A empresa francesa comentou que Ashraf, já estava afastado do seu local de trabalho desde 24 de junho e o caso tornou-se público nas redes sociais, após um testemunho no Twitter de uma das suas vítimas. Segundo a jovem, Ashraf não só cometeu adultérios, como escondeu o seu estado matrimonial e negou o seu envolvimento com outras pessoas sob pretextos falsos.

Apesar de não existirem queixas formais sobre situações inadequadas, estes desenvolvimentos tornaram-se insustentáveis para o nome e empregados da empresa. Como resultado das investigações, a decisão para rescindir o contrato de Ismail foi tomada ontem, sexta-feira, dia 14 de agosto.

Ashraf Ismail vestiu a camisola da Ubisoft por cerca de 11 anos, o seu envolvimento foi crucial no desenvolvimento de outros títulos de Assassin’s Creed tais como: Assassin’s Creed Origins ou Assassin’s Creed: Black Flag.

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal, até à sua atualidade. Devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também é adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.