BD portuguesa Crónicas de Enerelis iniciou angariação publica de fundos

A artista Patricia Costa está a preparar-se para lançar a sua BD Crónicas de Enerelis – Volume 01 e para tal deu inicio a uma angariação publica de fundos com o objetivo de reunir 1500 euros. No momento de escrita o projeto já conta com 850 euros e a campanha termina a 4 de janeiro de 2021.

A campanha de crowdfunding está a decorrer aqui www.ppl.pt/enerelis. O PPL funciona de modo simples e transparente, utilizando a mecânica “tudo ou nada”, ou seja, se o objetivo for atingido (1500 euros) dentro do prazo o projeto é concretizado. Se o montante mínimo não for angariado, os fundos serão devolvidos aos apoiantes. Com o sucesso da campanha, a edição chegará às mãos dos fãs na 1ª quinzena de Fevereiro!

BD portuguesa Crónicas de Enerelis iniciou angariação publica de fundos

Em 196 páginas, poderão começar uma viagem que vos vai levar por caminhos cheios de aventuras e magia. Uma história para todos, que nos mostra que a fantasia não tem limite de idade para ser lida.

Enerelis é um dos três mundos paralelos à Terra. Em paz há catorze anos, é povoado por diversas raças e criaturas que nasceram graças à existência de duas forças opostas, Nox e Aether, atribuindo aos seus habitantes capacidades extraordinárias. É neste mundo que Eyren Caeli, um jovem de doze anos, inicia uma longa jornada com o único objectivo de salvar uma pessoa. No entanto, o seu passado teima em assombrar todos os seus passos.

O argumento de Crónicas de Enerelis foi construído entre 2008 e 2015, e foi planeado para ser uma série de banda desenhada com inspiração em mangá.

Em 2018, o argumento passou finalmente para a arte sequencial, e surge agora a oportunidade de ser impresso.

Patricia Costa
Patricia Costa

Patricia Costa foi a vencedora do 1º Prémio na Categoria A+ no Concurso Nacional de BD, pelo AmadoraBD em 2018.

Em 2019, fica em 3.º lugar no 13.º Concurso Nacional de BD pelo BDTeca de Odemira; participou no fanzine Outras Bandas, editado pelo Colectivo Tágide, com duas curtas, sendo uma delas vencedora do Prémio na Categoria de Melhor Obra Curta nos XVII Troféus Central Comics, em 2020. Fez também a arte de “Posse”, uma história para a Revista H-Alt #9, com argumento de Penim Loureiro.

Em 2020, volta a arrecadar o 3.º lugar no Concurso Nacional de Banda Desenhada do BDTeca de Odemira.