Faleceu o criador de Kimagure Orange Road

Faleceu o criador de Kimagure Orange Road

O Wave Studio anunciou que o mangaká Izumi Matsumoto faleceu no passado dia 6 de outubro de 2020. Ele tinha 61 anos.

Conhecido pela sua obra Kimagure Orange Road, o autor revelou que vinha a sofrer de mal-estar geral devido a uma hipovolemia do líquido cefalorraquidiano (LCR). Matsumoto desejava voltar ao trabalho e continuou a lutar contra a doença, enquanto estava ansioso com a cirurgia cardíaca que tinha feito há vários anos. Segundo o seu médico, ele faleceu durante o sono sem sofrer.

Matsumoto revelou no seu blog em novembro de 2019 que tinha estenose espinhal, um estreitamento anormal do canal espinhal que exerce pressão sobre a medula espinhal. Ele disse que tinha dormência severa nas pernas e não sabia o que fazer no futuro.

Matsumoto explicou que começou a sentir dormência nas pernas há vários anos. Ele ficou incapaz de dormir devido à gravidade da dormência uma semana antes do seu post de novembro no blog. Ele foi a um hospital para comprar medicação para dormir, que estava a tomar. No entanto, como a dormência era muito forte, os comprimidos para dormir às vezes eram ineficazes. Matsumoto comentou: “Dormir tornou-se assustador todas as noites”.

Matsumoto explicou ainda que havia pressão nos ossos e músculos ao redor dos nervos da sua medula espinhal, criando dor e dormência devido à aparente estenose espinhal. O envelhecimento pode ter contribuído para a condição de Matsumoto. Ele também acreditava que os seus muitos anos a trabalhar numa mesa podem ter contribuído porque o foco da sua condição estava na região pélvica. Matsumoto observou que fez uma ressonância magnética numa clínica ortopédica e isso revelou a sua condição. Ele disse que não sentia dores, mas que as atividades do dia-a-dia se tornaram difíceis devido à forte dormência.

Embora Matsumoto estivesse a tomar medicação na clínica ortopédica, o seu estado não melhorou muito. Matsumoto encontrou a cirurgia como uma solução depois de fazer uma pesquisa online. Ele disse que estava relutante em fazer a cirurgia porque estava com medo e também porque era caro.

Matsumoto anunciou no seu blog em outubro de 2018 que planeava retomar às suas atividades depois de mais de dois anos a lutar contra uma doença.

Matsumoto revelou no seu blog em agosto de 2016 que teve uma recaída de hipovolemia do líquido cefalorraquidiano no final de abril de 2016 depois de bater com a cabeça quando alguém o derrubou enquanto corria no metro, e ele ficou três meses acamado. Matsumoto começou o tratamento hospitalar para a doença em agosto de 2016. A Digital Manga Inc. declarou então em novembro de 2016 que a condição de Matsumoto estava “a piorar” e que ele tinha convulsões regularmente.

Matsumoto afirmou em 2016 que a luz azul emitida pelas telas de LED piorou o quadro clínico, por isso ele não conseguia usar o computador ou smartphone e não conseguia ler os seus e-mails. Ele pediu a um amigo para verificar as suas mensagens enquanto estava a ser tratado.

Matsumoto desistiu de desenhar mangá em 1999 devido à mesma doença, mas não recebeu o diagnóstico correto até 2004. Ele voltou a trabalhar no outono de 2005 após o tratamento.

Capa do volume 1 de Kimagure Orange Road
Capa do volume 1 de Kimagure Orange Road

O seu mangá Kimagure Orange Road foi lançado na Weekly Shonen Jump da Shueisha de 1984 a 1987. A história de 18 volumes seguia um rapaz com poderes sobrenaturais enquanto lidava com um triângulo amoroso entre duas meninas da sua escola. A Digital Manga Inc. realizou com sucesso uma campanha Kickstarter em 2016 para retraduzir e publicar o mangá em inglês.

Kimagure Orange Road inspirou em 1987 uma série anime, dois filmes, e vários OVAs.

Aqui no OtakuPT apresentamos as nossas mais sinceras condolências à família e amigos de Izumi Matsumoto.