Referência ao coronavírus no mangá de The Promised Neverland

Referência ao coronavírus no mangá de The Promised Neverland

Definitivamente o Covid-19 (novo coronavírus) é o assunto do momento e no mais recente capítulo do mangá Yakusoku no Neverland (The Promised Neverland) do autor Kaiu Shirai e da ilustradora Posuka Demizu surgiu esta referência à pandemia que está a preocupar todo o mundo neste momento.

No capítulo Emma fala como os humanos há muito que lutam entre si apenas para se superarem quando encontram um objetivo em comum. Nesta parte do seu discurso é exibida uma colagem de tragédias da nossa história e uma das cenas mostra um homem com dois filhos diante de uma vitrine quebrada com as palavras “corona – virus”.

O mangá está a aproximar-se do seu final. A obra começou a ser publicada em agosto de 2016 tendo entrado no seu arco final em setembro de 2018.

Não se esqueçam que dia 18 de dezembro de 2020 vai estrear nos cinemas uma adaptação para filme live-action do mangá e que a série anime vai regressar para uma 2ª temporada vai estrear em outubro de 2020.

A animação da série anime é do estúdio CloverWorks (Dakaretai Otoko 1-i ni Odosarete Imasu.), a direção é de Mamoru Kanbe (Elfen lied), história por Toshiya Ono (Blue Exorcist: Kyoto Saga), design de personagens por Kazuaki Shimada e a música é da responsabilidade de Takahiro Obata.

Em Portugal o mangá é publicado pela editora  e no Brasil pela Panini. Os autores já anteriormente revelaram que inicialmente planeavam terminar a história com a fuga das crianças, mas que a editora os convenceu a continuar a história.

Quanto à história, Emma é uma órfã que vive num lugar chamado Grace Field House juntamente com os seus outros irmãos adotivos. Dois dos quais são Norman e Ray, que, juntamente com Emma, obtêm a pontuação mais alta nas provas diárias que são obrigados a fazer.

Emma nota que embora eles possam fazer o que querem, não podem deixar o recinto ou ultrapassar o portão que conecta a casa ao mundo exterior. Uma noite, Conny, uma das suas colegas é enviada para ser adotada e Emma apercebe-se que ela se esqueceu de levar o seu coelho, Bernie. Juntamente com Norman e com a ajuda de Ray, Emma abre caminho para encontrar Conny. No entanto, eles ficam chocados ao descobrir que Conny está morta e a casa é na realidade uma fazenda onde eles são criados e colhidos para se tornarem alimentos para criaturas demoníacas.

Para piorar as coisas, Isabella, a mãe e cuidadora das crianças está em sintonia com os demónios. Esta notícia abala Emma e Norman e eles prometem fugir juntamente com todos os seus outros irmãos.