Brook Vivid – Análise

A Brook enviou aqui para o OtakuPT o seu Brook Vivid, um comando wireless para a Nintendo Switch que também pode ser utilizado no PC e em dispositivos iOS e Android.

Custando apenas 39 euros, este Brook Vivid é definitivamente um comando que me surpreendeu tendo em conta o seu preço e todas as funções e opções que dá ao jogador.

Começando pela sua caixa o Brook Vivid vem acompanhado de um adaptador para poderem acoplar o vosso smartphone ao comando, 2 pares de caps muito kawaii e ainda um cabo USB-C para carregar e ligar ao PC. Não esquecendo ainda dois stickers da sua mascote.

Aspecto físico do Brook Vivid

A versão que a Brook nos enviou é a Aqua Blue, e definitivamente este Brook Vivid vai captar as atenções à vossa volta. A sua construção é sólida e surpreendentemente leve, com uma construção em plástico, mas sem aqueles barulhos estranhos que alguns comandos apresentam. Em termos de layout este Brook Vivid inspira-se nos dispositivos Microsoft com o posicionamento dos dois manípulos assimetricamente e os botões direcionais em baixo.

Quanto aos gatilhos o R e L, são muito sólidos e responsivos, já os ZL e ZR são bastante largos para repousarem os dedos, mas da maneira como foram construídos ao jogar ficamos muitas vezes com a dúvida se os pressionamos mesmo até ao fim pois no final de pressionarmos não temos aquele feedback táctil de que o gatilho foi totalmente premido.

Temos na parte frontal os botões de “- e +” legendados, todos os botões têm um click satisfatório e encontramos também botões de Home (que serve para despertarem a vossa Nintendo Switch), bem como o botão de Turbo, Macro e opções. Aqui as instruções que  acompanham o Brook Vivid podiam ser bem mais completas e explicar melhor todas as potencialidades deste comando sem fios da Brook. Temos também duas indicações luminosas na parte frontal do Brook Vivid.

Na parte traseira temos o encaixe USB-C para carregarem o Brook Vivid (até 15 horas de bateria) e também o ligarem ao PC. Existe também aqui um botão para emparelhamento com a Nintendo Switch e dispositivos iOS e Andoid.

Na parte de baixo encontramos mais dois gatilhos, o AR E AL numa boa localização e que dão um boa sensação. Mesmo tendo mãos grandes senti-me muito confortável a utilizar o Brook Vivid por longos períodos sem qualquer problema apesar de este ser um comando a tender para o lado mais pequeno do espectro. Todos os botões me parecerem bem posicionados, sendo que a única crítica vai mesmo para a sensação dos gatilhos ZL e ZR.

Uma palavra para os simpáticos Caps dos analógicos que acompanham o Brook Vivid, dão mais algum gripe, mas sejamos francos, é mais uma opção estética que outra coisa.

O adaptador para colocarem o vosso smartphone está bem construído, consegue suportar todo o tipo de smartphones e estruturalmente está bem conseguido, vão, no entanto, estar limitados apenas a um ângulo não permitindo ajustes.

Funcionalidades dos Brook Vivid

A deteção de movimento do Brook Vivid funciona sem problemas e a vibração pode ser definida em três níveis de intensidade (ou totalmente desligada).

O Brook Vivid oferece um modo “Turbo” que pode ser programado nos modos baixo (5), médio (10) ou alto (15) relativamente ao número de clicks por segundo e atribuído a qualquer botão à vossa escolha.

Também podem configurar macros que podem incluir até 25 comandos separados num período de 30 segundos; essas macros incluem movimento, bem como todos os botões e gatilhos.

Além disso, podem ainda alternar entre o modo “Macro” e o modo “Shoot” com um botão na parte traseira, onde “Shoot” reduz para metade a amplitude de movimento de qualquer stick analógico ao qual atribuírem essa função. Esta é uma boa opção em jogos de tiros e se estiveram a atuar como sniper.

Relativamente às luzes na parte superior do Brook Vivid, têm várias opções de cores entre as quais podem alternar, ou apenas deixar o comando alternar entre elas automaticamente, claro está que também as podem desligar.

Em conclusão o Brook Vivid é uma excelente proposta atendendo ao seu preço. É confortável de utilizar, fácil de utilizar, bonito e oferece opções extra como macros, modo Turbo e gatilhos extra na parte de baixo. A Brook deve, no entanto, melhorar as suas instruções, jogadores veteranos facilmente conseguiram perceber todas as mecânicas que o Vivid oferece, mas jogadores menos experientes vão recorrer muitas vezes à tentativa e erro para perceberem todo o potencial que o Brook Vivid tem.

Subscreve
Notify of
guest

1 Comentário
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
Bruno Adães Trindade
Bruno Adães Trindade
25 , Novembro , 2022 16:31

parece bem porreiro, onde se pode comprar’