Quibi encerra suas atividades e série de Tomie pode não sair do papel

Nesta quarta-feira (21) foi anunciado que a plataforma de streaming Quibi ira encerrar suas atividades. O presidente da empresa, Jeffrey Katzenberg (co-fundador da DreamWorks Animation), lançou um comunicado anunciando que buscará vender o conteúdo e as ferramentas originais do serviço.

O Quibi era uma plataforma que se descrevia como uma “vinda de Hollywood e de Silicon Valley”, afirmando que transmitirá “pequenos pedaços de entretenimento cativante, criado para smartphones pelos melhores talentos, projetados para se encaixarem perfeitamente em qualquer momento do dia”. A plataforma de streaming foi lançada na América do Norte em 6 de abril de 2020.

Em julho de 2019 foi anunciado como conteúdo original da Quibi a produção de uma série live action baseada no manga Tomie de Junji Ito. A série seria protagonizada por Adeline Rudolph (Chilling Adventures of Sabrina) e teria seus episódios (de apenas 10 minutos) com direção de Alexandre Aja (The Hills Have Eyes), a história de David Leslie Johnson-McGoldrick (The Conjuring) e auxilio de Hiroki Shirota na produção.

Com o fim da plataforma de streaming é possível que a adaptação da obra de terror seja produzida para uma outra plataforma, porém não existem informações concretas sobre como estava o andamento da produção da série, afinal sua produção estava sendo feita em um formato especifico para uma plataforma que tentava algo experimental.

Mangá Tomie vai ser adaptado para série live-action