Anime SJW leva Crunchyroll a emitir comunicado

High Guardian Spice é o primeiro anime original Crunchyrol

Esta semana noticiámos que a Ellation, a companhia mãe da Crunchyroll, criou os Ellation Studios que vão produzir anime original para a companhia de streaming sendo que o primeiro anime anunciado é High Guardian Spice.

O anime cuja primeira imagem promocional podem ver em cima vai desenrolar-se à volta de 4 meninas claramente de etnias diferentes que entram para uma academia para se tornarem nos heróis que sempre desejaram.

A Crunchyroll destaca que os Ellation Studios são encabeçados pela Margaret Dean, a atual presidenta da organização “Mulheres na Animação” e que a história é da autora Raye Rodriguez. Sendo que a companhia decidiu também destacar no seu comunicado que este é um anime sobre diversidade e que o anime conta com “um núcleo de roteiristas 100% feminino”.

Claro está que as reações dos fãs não se fizerem esperar e a questão tornou-se viral no espaço de poucas horas com muitos subscritores a questionar para onde vai o seu dinheiro que pensavam que estava a ser canalizado para os estúdio japoneses e adquirir direitos de exibição de animes no ocidente e não na produção de animação por uma equipa cujos elementos são notórios por apoiar a ideologia SJW.

No youtube a Crunchyroll chegou mesmo a desativar os comentários do vídeo promocional de High Guardian Spice onde conhecemos a staff e onde falam sobre o projeto. Podem ver em baixo o vídeo.

A polémica foi tal que a Crunchyroll se viu agora obrigada a pronunciar sobre o assunto no seu website onde podemos ler:

Primeiro, queremos deixar claro que os Crunchyroll Originals não estão chegando às custas de nossos outros projetos. A Crunchyroll continuará a garantir o máximo de animes possível para nossos espectadores, em mais e mais territórios.
É a coisa mais importante para nós compartilharmos insights e receitas com o Japão; no ano passado, anunciamos mais de US$ 100 milhões em royalties para o Japão, e isso continua a crescer. Como você deve saber, compartilhamos royalties com base no que os assinantes assistem, não no que decidimos. Compartilhamos metade da receita de assinatura e publicidade com o Japão. Além disso, co-produzimos mais de 50 séries de animes diferentes e nos tornamos um dos maiores financiadores de novos títulos de animes, talvez o maior. Continuamos a co-produzir agressivamente muitos mais títulos. O lançamento de ontem também incluiu o anúncio de um estúdio que abrimos em Tóquio para trabalhar diretamente com criadores de anime e animadores no Japão. Nosso amor e foco em anime não vai a lugar algum.

No comunicado a Crunchyroll aproveita também para revelar que estão a trabalhar num player HTML5 que estará disponível em breve para 100% dos usuários, começando com um lançamento para um quarto de todos os espectadores na próxima terça-feira, 28/08, e o lançamento completo em setembro. 

Subscreve
Notify of
guest

43 Comentários
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
EroOtaku
EroOtaku
11 , Julho , 2019 18:51

Eu tenho certeza que as protagonistas são Trans, Lesbica, Assexual é Gay

Arlindo Francisco
11 , Julho , 2019 18:51

Ninguém quer essa bosta ideológica na comunidade otaku, já tem anime Yuri,yaoi,anime com diversas étinias,mas a maioria é anime com protagonista japonês… Nego chama comunidade imatura? Nego quer é puxar uma ideologia em cima do público e agora meu amigo espere esse título levar bomba,ninguém vai assistir… Aposto que até assistiriam,mas olha só como anunciaram essa bosta… Essa galera que esse pessoal quer fazer conteúdo nem assiste anime

Valerio panelo
Valerio panelo
11 , Julho , 2019 18:51

Puta que me pariu essa secção de comentários, só tem nego falando bosta. Por isso falam que a comunidade de anime é machista e idiota, porque é.
“Ah falam de diversidade mas só tem mulher” é por que, tirando esse estúdio criado especificamente pra isso, só tem homem em todo o resto. Dá até vergonha de tá meio desses mané.

Arlindo Francisco
Reply to  Valerio panelo
11 , Julho , 2019 20:47

Kkkkkk sjw detected… Vai assistir teus desenhos sobre diversidade… Tão diverso que só tem personagem principal mulher, roteirista mulher… Ah tá bom, cadê o trans? Cadê o africano? Cadê o chinês…. Essa merda nunca vai ser diversa, vc tem que ser um sjw pra não ver a hipocrisia desse pessoal querendo empurrar uma agenda em cima do pessoal da comunidade dos animes… Ainda bem que porque assistimos animes já automaticamente somos imunes… Vc por outro lado foi infectado pelo entretenimento ocidental…. Só fogo pra gente que nem vc

Valerio panelo
Valerio panelo
Reply to  Arlindo Francisco
11 , Julho , 2019 23:58

Kkkkkk só de ver seus comentários já dá pra ver que não dá pra discutir. Eu diria que pra você é só fogo mas talvez um psicólogo seja melhor, procure ajuda pro seus problemas psicossociais

[̲̲̅̅ʜ̲̅ɪ̲̅ʀ̲̅ᴏ̲̅s̲̅ʜ̲̅ɪ̲̅]
11 , Julho , 2019 18:51

Pqp, “Anime Sjw” kkkkkkkkk, falam q é sobre diversidade mas o núcleo de roteiristas é 100% feminino, sempre são pegos na hipocrisia kkkk, essas barangas tão sem oque fazer pelo jeito.

vinicius
vinicius
11 , Julho , 2019 18:51

Tem que acabar otaku. Dá ate vergonha.

Arlindo Francisco
Reply to  vinicius
11 , Julho , 2019 20:47

Como um núcleo roteirista 100% feminino é diverso? Como um Cartoon é anime? Quem no mercado pediu por isso? Ninguém… Otaku assiste anime e não porra de Steven universo… Get woke Go broke… Não percebe a agenda feminista sjw é porque vc é um deles ou é idiota

vinicius
vinicius
Reply to  Arlindo Francisco
11 , Julho , 2019 23:58

lendo seu comentário só me faz ter mais certeza, tem que acabar otaku. Sobre eu ser um sjw ou idiota eu não sei, mas vc eu sei que é um retardado.

Yellow Hair
Yellow Hair
11 , Julho , 2019 18:51

Arrumar o player de video que é bom nada…

Esta com medo nvadia safada?
Esta com medo nvadia safada?
11 , Julho , 2019 18:51

é um anime sobre diversidade e que o anime conta com “um núcleo de roteiristas 100% feminino”.
Cade a diversidade nisso? Esse pessoal tudo doido.

Gabriel Augusto Vidigal
Gabriel Augusto Vidigal
11 , Julho , 2019 18:51

Que situação absurda chegamos.

Arlindo Francisco
Reply to  Gabriel Augusto Vidigal
11 , Julho , 2019 20:47

Primeiro isso aí não é anime, segundo como roteiristas 100% mulher é diverso? Claramente tem uma agenda aqui… Nego tem que ou ser um sjw ou idiota pra não perceber… Get woke Go broke

Gabriel Augusto Vidigal
Gabriel Augusto Vidigal
Reply to  Arlindo Francisco
11 , Julho , 2019 23:58

Mas e daí? É só desenho, não precisa criar toda essa confusão, sem falar que é só não assistir.

kimeras
kimeras
Reply to  Gabriel Augusto Vidigal
27 , Novembro , 2020 2:55

Eu sei que já passou bastante tempo, mas a pessoas assinam as crunchyroll para ver animes e as produções originais serem animes, e n a porra de um cartoon, tá cheio de empresa ocidental que faria essa merda, pq eles quisseram para a crunchyroll?

Gabriel Augusto Vidigal
Gabriel Augusto Vidigal
Reply to  kimeras
29 , Novembro , 2020 0:31

É você tem um ponto, mas acho que exageraram um pouco.

Davi
Davi
11 , Julho , 2019 18:51

Não responderam sobre a polêmica em si, que é a provável inserção da agenda feminista na animação.
Eu achei interessante as imagens, mas pode ser meio chato se as personagens começarem a ter interações meio forçadas no decorrer do anime, pois saberemos que é realmente forçado e proposital. Esse é o problema que muitos estão criticando.

lipe5002
lipe5002
Reply to  Davi
11 , Julho , 2019 20:48

Ja tem animes com tematicas gays, lésbicas, transexuais (somente na americana), hetero sexuais, dia a dia, lutas, educativa, comédia,… No catalogo da Crunchyroll. Por que não poderia ter um cartoon com tematica feminista no catalogo deles?

kimeras
kimeras
Reply to  lipe5002
27 , Novembro , 2020 2:55

Eu sei que já passou bastante tempo, mas, POR QUE A CRUNCHYROLL DEVIA SER UM STREAMING DE ANIME E NÂO DE CARTOON, ESSA CRIADORA DESSA PORRA QUE PROCURASSE UMA EMPRESA OCIDENTAL DE ANIMAÇÕES E NÃO EM ALGO QUE TEORICAMENTE DEVERIA SE FOCAR EM ANIMES, SE ELES QUEREM FAZER ALGO QUE REPRESENTE LESBICAS , GAYS E TRANS FAÇA UM ANIME E N UMA PORRA DESSA. NO FINAL NEM FOI LANÇADO ESSA MERDA. Muito obrigado pela sua atenção.

Zoldyck
Zoldyck
11 , Julho , 2019 18:51

Eu não to nem ai se isso eh 100% mulher, homem…etc, o que me incomodou é chamar esse cartoon de anime, não quero que embacem a linha que separa os dois.

Aleksey K. "Лонелy Деемо"
11 , Julho , 2019 18:51

O único problema que vejo nisso é o fato dos serviços de streaming se posicionarem como aliados das produções japonesas, que o dinheiro arerecado custeia parte da produção ajudando o anime e a comunidade ao mesmo tempo. Não vejo como um cartoon feito para o público ocidental com o lucro de exibição de anime pode ser positivo para a comunidade em geral e aos seus colaboradores

asdf
asdf
11 , Julho , 2019 18:51

“…este
é um anime sobre diversidade e que o anime conta com “um núcleo de
roteiristas 100% feminino”.”
Lógica sjw. Por isso que quase ninguém as leva a sério.

Juan Duarte
Juan Duarte
11 , Julho , 2019 18:51

Nada contra a idéia, eu aprovo isso, os pontos a serem chamados a atenção são que se é uma animação feita apenas por ocidentais normalmente se dá o nome de cartoon, claro, hoje em dia muitas pessoas nem sabem o que essa palavra significa, mas é como se chamava animações ocidentais, eu entendo que é bom para o marketing chamar tudo de anime, mas sempre vai haver alguem que se incomoda. Outro ponto é que a noticia e o video dão mais atenção ao gênero das escritoras do que a história em si, não me entendam errado, para mim Mari Okada que escreveu o excelente e quebrador de clichê Gundam IBO e Sayo Yamamoto que dirigiu o incrivel spin-off de Lupin focada em Fujiko Mine são grandes monstros da industria de animação japonesa, não são perfeitos, mas mesmo o escritor de Batman Cavaleiro das Trevas já escreveu muitas porcarias, assim são os humanos……… O meu ponto é que eles poderiam ter mostrado mais das escritoras ao invés de se focar no genero delas e na cor de cabelo.

De qualquer maneira, boa sorte com isso, eu sempre defendo a liberdade de expressão e sou contra qualquer censura.

Hawk Endo
Hawk Endo
11 , Julho , 2019 18:51

Nossa, graças a deus eu não sou igual esses palhaços, fico imaginando como as produtoras da série devem estar se sentindo, quem reclamou e reclama de tal forma devia tomar vergonha na cara! Até parece que fariam melhor, torço pra que faça sucesso e quem falou merda, engula as próprias merdas que saem da boca.

Arlindo Francisco
Reply to  Hawk Endo
11 , Julho , 2019 20:47

Caguei… Ninguém liga pra sentimento de ninguém, faça um produto para sua audiência e pronto, é assim que a indústria dos animes sempre funcionou

Kaetokiha
Kaetokiha
Reply to  Hawk Endo
11 , Julho , 2019 20:48

Outro burro q não sabe o q ta falando. Pessoal ta reclamando da clara agenda feminista no grupo das roteiristas. Vc tem q entender a situação antes de falar burrice por aí. Leia minha reposta Rafael120804 acima

Rafael120804
Rafael120804
11 , Julho , 2019 18:51

A comunidade nerd em geral é muito imatura. Sempre reclamando de qualquer tipo de inclusão ou coisa do tipo. Fizeram o que fizeram com aquela atriz de Star Wars. Fizeram caso com o beijo da Ellie em TLOUS 2. E agora isso… Patético

Arlindo Francisco
Reply to  Rafael120804
11 , Julho , 2019 20:47

Macho se vc não entende o porque da indignação do pessoal vc já foi absorvido pela ideologia sjw… Pra vc é só fogo pra resolver,nem adianta discutit

Kaetokiha
Kaetokiha
Reply to  Rafael120804
11 , Julho , 2019 20:48

Q inclusão vc está se referindo aqui? Esses SWJs (sigla pra Social Justice Warrior) gringos são o pior tipo de hipócritas q existe. A mulher no video fala de inclusão e fazer as vozes não ouvidas serem ouvidas, mas ela faz questão de dizer q 100% dos roteiristas são mulheres então cadê a inclusão e a diversidade? E pra fazer vozes serem ouvidas ela precisa mesmo calar as outras (homens)?

Kate Leth (q a um tempo atrás tava tentando criar polêmica por q não tinha nenhum personagem LGBT em Infinity Wars) disse no video q 50% da equipe são homens (ela devia ta falando da parte administrativa e dubladores provavelmente) e depois disse q os roteiristas são 100% mulheres…ela não precisa especificar q os roteiristas são só mulheres pq isso é COMPLETAMENTE IRRELEVANTE PARA O PUBLICO, mas como ela é uma imbecil q acha q o mundo é uma guerra entre mulheres e homens ela fez questão de anunciar isso.

Esses SJWs idiotas só sabem pensar no gênero de uma pessoa e na guerra deles contra os homens. Essas historias q eles fazem são sempre vazias e sempre são sobre personagens excluídos e mulheres liderando. A base da historias deles é essa (não tem pano de fundo nenhum) e por isso é algo vazio e estúpido. Só olhar na imagem do trailer aí q vc vai ver 4 meninas diferentes, uma gorda branca, uma de pele escura, uma parda como nós BR (ou da cor de e pele daqueles q vem do oriente) e a de cabelo rosa q eu diria q é branca tbm. Dá pra ver mto bem o q elas querem mostrar com essa historia…não é a historia em si, mas sim as 4 meninas de etnias diferentes e a agenda feminista…ridículo.

Então não…a comunidade não está reclamando de nenhuma inclusão, mto pelo contrario pois não tem nenhuma inclusão ali…o q se vê ali é a exclusão do homens sem motivo nenhum. Os gringos já estão cansado de merda q esses SWJs fazem e eles estão cada vez mais interferindo em todas as médias (eram filmes, passou pros games, quadrinhos agora chegou nos “animes”) trazendo a visão deturpada deles sobre o mundo.

Vc simplesmente ta falando merda sem saber. Parabéns.

Rafael120804
Rafael120804
Reply to  Kaetokiha
11 , Julho , 2019 23:59

O elenco composto apenas por mulheres é uma forma de protesto, de chamar mesmo atenção. Se você for ver pesquisas recentes, as mulheres tão longe no quesito participação. Elas são minoria nesse ramo. Mas não vou responder parte por parte um textão de um garoto revoltadinho e possivelmente frustrado emocionalmente/sexualmente. Abraços

Kaetokiha
Kaetokiha
Reply to  Rafael120804
12 , Julho , 2019 1:39

Falou transão.

No fim das contas vc simplesmente não sabe como funciona o movimento SWJ e como ele está se tornando cada vez mais odiado. Se vc acha mesmo q o q elas estão fazendo é protesto vc é mais idiota do q parece..

Mathilda Cohle
Mathilda Cohle
Reply to  Kaetokiha
11 , Julho , 2019 23:59

Carai, homem se dói muito fácil, tá doido, como você tem essa falta de inteligência e consegue insultar os outros? O cinema mesmo é uma mídia em que 90% dos diretores e roteiristas são HOMENS e várias mulheres que chegaram alto como atrizes tiveram que se submeter à escrotidão de muitos produtores como foi revelado nos casos recentes do Weinstein e afins de estupro. Vocês que não têm empatia pra pensar em porra nenhuma, eu não tô nem aí se a mina no caso for realmente femista como você diz, de fazer guerra contra os homens, porque não é só ela que está nessa causa, ela não tá sozinha pra julgar tudo pensando nela e nos SJW, mas mesmo assim, no caso eu só estou vendo uma produção que tá dando oportunidade a várias mulheres que teriam naturalmente mais dificuldade e não teriam esse espaço que estão tendo. A diversidade é por você incluir as mulheres, não é questão de ser 50/50, porque daqui que chegue a um equilíbrio e se acabe o preconceito, não dá pra esperar não.

Não precisa chorar, homens ainda dominarão o cenário de cinema, animação e games por muito tempo, não precisa ficar como o amigo abaixo disse, com papo de “machismo reverso”, racismo reverso e afins, porque isso não existe, tais parecendo realmente os brancos que dizem que os negros acabam sendo racistas com os brancos por causa das políticas de inclusão… patético. E sim, só pra constar, EU NÃO GOSTEI DE NADA DESSA ANIMAÇÃO QUE ANUNCIARAM, mas mesmo assim defendo ela exisitr, abraços pra os machões ofendidos com o machismo sendo um pouco (de nada) ameaçado.

Arlindo Francisco
Reply to  Mathilda Cohle
12 , Julho , 2019 1:39

São homens… Vc acha que estamos nos anos 60 onde tinha realmente preconceito contra mulheres… Hoje em dia simplesmente vc precisa ser competente pra ser reconhecido …

Kaetokiha
Kaetokiha
Reply to  Mathilda Cohle
12 , Julho , 2019 1:39

Q Monte de besteira. Quem falou pra vc q “tá dando oportunidade a várias mulheres que teriam naturalmente mais dificuldade e não teriam esse espaço”…como vc sabe q elas não teria esse espaço? Nada do q vc falou se baseado fatos…é tudo baseado no q vc pensa q acontece. Vc ta defendendo elas simplesmente pq elas são mulheres.

Isso é idiotice. Homens não barram as mulheres de trabalhar nessas áreas. Mulheres escritoras como essas daí tem varias, isso q vc está dizendo não faz sentido nenhum.

Vc vir falar do estupro das mulheres na área do cinema…não tem nada a ver com esse assunto. Não misture as coisas.

Ta na cara q vc ta falando sem saber no movimento SWJ e o quão porco e odiado ele é por mtos.

E dizer q não existe “machismo reverso” estupidez. Pode não existir mto dele aqui no Brazil, mas vá se informar mais como as coisas são lá fora e vc vai ver q é diferente.

Erio
Erio
Reply to  Kaetokiha
11 , Julho , 2019 23:59

Tu tá reclamando do cara tá supostamente falando merda (que no caso não está) e discorrendo um comentário que pode ser resumido como machismo reverso, que toda pessoa com bom senso sabe que não existe. Quem ta falando merda aqui e você

Arlindo Francisco
Reply to  Erio
12 , Julho , 2019 1:39

Machismo reverso? Kkkk sabe que é feminismo não?

Kaetokiha
Kaetokiha
Reply to  Erio
12 , Julho , 2019 1:39

Vc tem q ser um imbecil pra dizer isso. Vc acha q feminismo é o q?

O feminismo q existe no EUA hoje em dia é nada mais nada menos q mulheres q odeiam homens ou tentando conseguir mais vantagens pra elas.

Feminismo foi um movimento em prol mudar e melhorar as coisas importantes pra mulheres…hoje em dia ta longe disso.

Vc sabe inglês? Se vc não sabe quer dizer q não acompanha a midia gringa e por isso não tem base pra falar comigo. Pq o q vc ta falando mostra q vc não sabe como as coisas são lá.

Aleksey K. "Лонелy Деемо"
Reply to  Rafael120804
11 , Julho , 2019 20:48

O caso do beijo em TLOU 2, o problema não foi o beijo, o problema foi o contexto em que foi inserido, a atmosfera do jogo não cabe cenas desse teor independente do público para quem elas são direcionadas. O jogo não careceu de representatividade de qualquer minoria. O amigo do Joel que morava no ferro velho é gay, aliás dentro de uma representação bem mais verossímil para o contexto daquele mundo, perdeu o companheiro no incidente, o que de forma alguma gerou qualquer incômodo para qualquer pessoa com bom senso que tenha jogado o jogo.

Rafael120804
Rafael120804
Reply to  Aleksey K. "Лонелy Деемо"
11 , Julho , 2019 23:59

O contexto era perfeito para a cena do beijo, cara. Era uma festa de confraternização composta por jovens. Eles estavam, pelo menos naquele momento, curtindo e se divertindo. Essa resposta sua é só uma desculpinha esfarrapada

Aleksey K. "Лонелy Деемо"
Reply to  Rafael120804
12 , Julho , 2019 1:38

E desde quando o contexto do jogo é festa de confraternização composta por jovens? Esse é o o ponto, esse não é o contexto porque essa cena sequer faz sentido se levar em conta a escassez de bens alimentícios derivada do colapso social por causa dos infectados. Ou seja, o jogo nem lançou e já está incoerente em relação ao original. Gostaria que não se fechasse na própria agenda e fosse capaz de enxergar as coisas de outro espectro.

Rafael120804
Rafael120804
Reply to  Aleksey K. "Лонелy Деемо"
12 , Julho , 2019 2:58

Você tá falando sem saber. Os produtores já deram entrevistas falando que, pelo menos naquele período da festa, aquelas pessoas estavam vivendo um período de calmaria. Não custa pesquisar um pouco antes de falar. O jogo se passa anos após o primeiro, muitas coisas mudaram.

Don Perron
Don Perron
11 , Julho , 2019 18:51

O mais irônico é que o pessoal que fica reclamando que tudo é mimimi geralmente é quem mais faz mimimi.

Lex Taka
Lex Taka
Reply to  Don Perron
11 , Julho , 2019 20:48

Mais eles deveriam antes de fazer esse tipo de coisa colocar o HTML5 que já foi prometido em 2015 e até hoje nada então essa reclamação é mais que justificada .