Autor de Sword Art Online revela porque a série contém várias situações de agressão sexual

O episódio 10 de Sword Art Online: Alicization, a terceira temporada de Sword Art Online, recebeu críticas devido aos seus conteúdos sendo que o episódio chegou mesmo a ser censurado em algumas plataformas de streaming e até o próprio autor veio pedir desculpa às atrizes de voz das personagens.

A situação de agressão sexual presente no episódio 10 de Sword Art Online: Alicization é algo que Reki Kawahara também explora noutras situações da novel de Sword Art Online e ele vem agora revelar a razão para tal.

Isto pode ser um pouco tarde, mas se estão a perguntar por que SAO tem tantas destas cenas, um número considerável de light novels (embora não fossem chamadas de light novels naquela época), sagas épicas e histórias de aventura que eu li por volta do ensino médio continham estes elementos na história. Eu citaria Ōgun Hakusha (Gold Spur) como um título representativo. A minha escrita estava ligada a isso como se estivesse sob um feitiço.
 
Nos dias de hoje, o feitiço finalmente desapareceu. Hoje prefiro expressar a catarse por outros meios. Se fosse uma cena absolutamente necessária para a história, eu escrevê-la-ia, mas preferiria fazer isso num livro que não seja uma light novel.

Reki Kawahara também mostra a sua surpresa com a adaptação para série anime que ele acredita fez os seus conteúdos ainda mais extremos:

Acredito que o nível de abrasividade em SAO seja extremamente médio para light novels. A direção, animação e atores de voz no anime são muito poderosos, o que impulsionou absolutamente o impacto [das cenas]. Quem teria pensado que Raios faria um salto tão exagerado…!

Kawahara começou a escrever Sword Art Online como uma web novel em 2001. As novels foram mais tarde editadas e publicadas como light novels na Dengeki Bunko a partir de 2009.

Em múltiplas entrevistas ele mostrou arrependimento sobre certos aspectos da história que ele escreveu quando era um escritor menos experiente. As novels de Sword Art Online entraram no arco “Unital Ring” em 2017, que marca o novo arco escrito por Reki Kawahara já como um escritor profissional.