E a renovação continua

Recentemente tivemos mais uma surpresa vinda do mundo da Jump. Bakuman terminou! O Fim de Bleach, mesmo que assustando a alguns, já era previsto pela maioria. Saga cansada, trama desgastada e vários outros pontos que deixaram a série pesada e fora dos eixos. Porém, com Bakuman a surpresa foi ainda maior.

Muitos críticos e a grande massa apreciadora da Jump apostavam que Bakuman seria o novo dono da vaga deixada por Bleach. E na lógica era o que parecia acontecer.

Mas em oposição às previsões, os também criadores de Death Note colocaram o ponto final nesta obra que alcançou o sucesso de forma tão rápida que era impossível prevermos seu fim. E mesmo ela ainda rendendo muitos lucros e apontando para um lugar entre os pilares da Jump, Tsugumi Ohba e Takeshi Obata enxergaram que outros arcos poderiam deturpar a saga e causar transtornos assim como foi com Bleach e em momentos com Naruto.

É muito bom vermos profissionais com este tipo de mentalidade, pois assim é praticamente impossível os rotular por uma única obra assim como está sendo com Kurumada e possivelmente (espero que não) com Eiichiro Oda.

Mas, entretanto, os autores nos deixaram uma bela notícia. Um novo trabalho está sendo produzido e em breve teremos acesso a ele. E será interessante esperarmos por esta obra, pois Ohba e Obata já emplacaram dois grandes sucessos e ambos distintos em estilo e trama. Aguardemos por algo totalmente inovador.

A única certeza em meio a toda esta renovação, é que a Jump sempre terá material novo para manter sua soberania intacta, sejam eles via os autores já contratados ou revelando novos talentos.

One Piece ainda continuará, pois está no meio da trama, assim como afirmou Eiichiro Oda. Toriko tem grandes chances de continuar com força total, e têm também outros aspirantes a pilares, como Medaka Box, Sket Dance e Kuroko no Basket; seus animes podem ajudar na popularidade das tramas fora do Japão e maximizar os Mangás.

Agora, não podemos fechar os olhos para mais um ou dois possíveis términos de saga. Qual será o próximo a dizer “até mais”?

Deixo a resposta com vocês! Comentem!