Miss Kobayashi’s Dragon Maid S: Episódio 2 – Enfim mais um dragão para o harém da Kobayashi (O Twitter xiou forte)

Artigo por Jonh Vini. Podem enviar os vossos artigos aqui.

Antes de falar sobre o episódio, tenho de falar sobre a abertura e encerramento, pois mesmo eles já estejam desde o episódio 1 é necessário falar que quando ouvi Ai no Supreme(愛のシュプリーム!/A Supremacia do amor) pela Fhána quase chorei, sei a abertura é bem animada e possui um “rap” na melodia, mas foi o primeiro contato da obra depois de anos, claro desconsiderando o Mini Dora, então toda a carga emocional triste envolvendo Kobayashi meio que foi por ares no primeiro tom da música, essa música, assim como o encerramento Maid com Dragões❤︎ (めいど・うぃず・どらごんず︎❤︎) cantado pelo grupo das dubladoras, são marcantes, além do sentido emocional, são extremamente boas, tanto que fiquei ouvindo elas a semana toda antes do episódio, claro repetindo a mesma estrutura da temporada passada, mas o que ganha bastante pontos é justamente pelo fato que as dubladoras entraram na brincadeira no clipe de encerramento, se você ver o clipe oficial do encerramento vai ver justamente as dubladoras se divertindo interpretando os personagens e cantando como se fosse elas.

Indo por episódio, é incrível como eles conseguiram melhorar ainda mais a história do mangá, justamente criando mais conteúdo tomando como base a história do mangá, começando a falar do passado da Iruru que foi incrível ver, pois mostraram muito bem todo o conflito dela com um traço que remete bastante uma história infantil, pois é justamente uma memória de infância dela e inclusive mostrando o design do Coolkyoushinja nos dragões mais velhos, sim aquele é o traço do autor transposto no anime, isso mostra o como Kyoto Animation respeita às obras originais, principalmente numa obra tão marcante para o estúdio.

O Dragão ancião que busca fazer mangá de shotas em perigo.
O Dragão ancião que busca fazer mangá de shotas em perigo.

Por falar nas adições, vamos falar do “calvário” da Kobayashi, vendo nas redes sociais e ignorando os memes dessa parte, que foram muitos mesmo, fico pasmo a quantidade de memes resultados por esse “calvário”, vi gente perguntando se o anime cortou alguma coisa do mangá, afinal de contas a Kobayashi está como um “peru” entre as pernas, talvez a obra tenha “censurado” alguma coisa, então venho esclarecer algumas coisas para vocês e sim: a Tooru estava sem toalha naquele momento e a Kanna estava dormindo em cima da Kobayashi naquela hora no mangá, tirando isso só teve acréscimos em vez de reduções, tem coisa no anime que nem teve no mangá, então reclamar dessas “alterações” é exagero, mas os acréscimos não alteram tanto a história desse arco, mas são acréscimos que está em sintonia com o mangá, como foi a cachaça de poção do amor da Tooru.

Senhores, ou senhoras, abro a discussão para vocês
Senhores, ou senhoras, abro a discussão para vocês

Mais um ponto alto do episódio foi a hora que Kobayashi captura a Iruru, lembram que falei que o anime adiciona bastante a história do mangá, esse ponto é exemplificado justamente nessa história que no mangá não tomou tanto tempo na obra, algo que também ocorre aqui, tanto que me surpreendi o tão rapido chegou a esse ponto, mas o que foi mostrado no anime adicionou ao mangá com toda uma carga dramática e contextual impossíveis, pelo menos para um mangá de 25 páginas, ser postas em papel, toda a direção desse segmento foi divina já que todo quadro mostrava a carga dramática da narrativa de maneira belíssima e até mesmo a resolução do conflito foi emocionante, passando uma sensação de conforto como foi a chegada da Tooru e depois do flashback, inclusive continuando a babar o ovo da Kyoto mas que belo flashback em, com todas elas em casa.

Iruru, você quer brincar na neve?
Iruru, você quer brincar na neve?

Por fim a adequação da Iruru e estava esperando isso pois eu queria ver a cena das mil mãozinhas deles, já que é incrível ver todas as mãos feitas no mangá, mas fiquei espantado que eles fizeram a animação de cada uma das mãozinhas e não ficou algo nojento, claro que tem a piada das mãos de Animal Crossing, mas isso ficou num segundo ponto para mim, enfim termina o episódio com aquela cena da indignação da Tooru como o motivo de vida da nova dragoa, enfim espero um episódio mais alto-astral no próximo para continuar a rir adoidado.

A supremacia das mãos de cotoco.
A supremacia das mãos de cotoco.

Basicamente era isso que eu tinha para falar do anime da compactação escamosa, aqui é Jonh Vini e o foi minha review desta série, estou à espera dos vossos Feedbacks do episódio e da review para melhorar minha escrita para vocês, não se afobem pois arrependimento mata, vamos discutir pacificamente, sem puxar palavras de baixo calão já que como podem ver eu não desferir nenhuma contra vocês é saudável porque enriquece a vida e até mais.

É irônico que meu signo cair justamente na semana do meu aniversario.
É irônico que meu signo cair justamente na semana do meu aniversario.

Bónus:

Durma com uma bronca dessas.
Durma com uma bronca dessas.
Subscreve
Notify of
guest

2 Comentários
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
Carlos Sales
Carlos Sales
17 , Julho , 2021 22:05

Já pensou em um lacrador puxando a carta choque de cultura e estudasse seus lacres infelizemente é a bola da vez o anime pra lacrador fazer sucesso.?

Gabriel
Gabriel
17 , Julho , 2021 15:55

Não querendo dar spoiler, mas dando do mesmo jeito kkkkk o par romântico da ilulu acaba nem sendo a Kobayashi dps. Na OP mostra um estudante do lado da Ilulu, esse ai que acaba se aproximando dela, assim como cada dragão se aproxima de um humano na obra.