Miss Kobayashi’s Dragon Maid S: Episódio 8 – Um episódio reconfortante (Eu quase chorei durante o episódio)

Artigo por Jonh Vini. Podem enviar os vossos artigos aqui.

Foi estranho assistir esse episódio, pois como disse eu não me lembrava os capítulos que o anime estava adaptando, mas sempre que assisto o episódio eu acabava lembrando dos capítulos que o anime adaptava, mas eu acho que nesse episódio teve uma historia original, fora o caso que eles adicionavam no roteiro original, mas a primeira historia, talvez eu esteja errado, teve uma alteração, pois conheceríamos o chefe da Kobayashi, talvez isso ocorra mais para frente, mas posso dizer que vimos a silhueta dele nesse episódio, entretanto a primeira historia foi basicamente o Harry Shota querendo mostrar o quanto ele cresceu para seu pai, tanto que ele não teve ajuda da Lucoa para resolver esse problema, mas o que posso ressaltar é mesmo a cena da conversa do Harry Shota com Faf-kun e Takiya pois mesmo sendo em 2D, parecia mesmo que estava vendo uma gameplay, pois foi uma ótima combinação do filtro que simula uma tela, o layout do Hub que parece mesmo que estamos vendo um jogo de tiro japonês e o design dos personagens do jogo que é muito bonito mesmo com uma predominância de preto ficou bem colorido e atrativo para qualquer jogador.

Parece um jogo conhecido.
Parece um jogo conhecido.

Ai chegamos na parte que tenho certeza que é original(não sou dono da razão), pois nos raros momentos nessa temporada onde a história é focada apenas para Kobayashi e Tooru, reavivamos os primeiros episódios da série, onde a série capturou nossos corações, mas dessa vez vermos uma Tooru diferente, uma Tooru indefesa por sua impotência em cuidar em da pessoa que ama, foi algo bonito de se ver e não estou falando da animação da Kyoani, mas sim a luta da Tooru contra esse inimigo invisível que é a gripe, pelo menos no final do episódio formos agraciados com uma Nekobayashi, felina ladra de corações de seres alados.

Parece que o jogo virou
Parece que o jogo virou

Por fim chegamos ao segmento final focado no Ship do momento, sei que muita gente gosta da dupla Takeshi e Iruru, não tenho nada conta eles, tanto que fico supresso na sinergia de ambos, pois o mangá não consegue passar os elementos presentes no anime como voz e movimentação, a história da ver era encontrar a dona de uma boneca perdida, que funcionou bem ao correlacionar com a trama da Iruru, mas por final dessa história, não no momento do boneco do Taketo e sim na entrega da boneca para sua dona, vocês não pensaram que na verdade eles estavam devolvendo um bebe para sua mãe em vez de uma boneca, pois a boneca foi entregue numa cesta, a busca pela dona uniu o casal e quando devolveram a dona chorou horrores, claro por ser um item importante para ela, mas ficou parecendo que havia uma vida humana no meio disso e claro eu chorei ao ver a cena.

Já está nas lojas.
Já está nas lojas.

Antes de terminar mais uma review compacta sem falar que adaptarão um capítulo inteiro do mangá no próximo programa, sim o micro-arco da Elma será expandido, provavelmente nossa serpente marítima não terá todo o protagonismo no episódio, mas ela entrará nos corações mais descrentes dos assistidores do anime.

Haja comida.
Haja comida.

Basicamente era isso que eu tinha para falar do anime da compactação escamosa, aqui é Jonh Vini e o foi minha review desta série, estou à espera dos vossos Feedbacks do episódio e da review para melhorar minha escrita para vocês, não se afobem pois arrependimento mata, vamos discutir pacificamente, sem puxar palavras de baixo calão já que como podem ver eu não desferir nenhuma contra vocês é saudável porque enriquece a vida e até mais.

Boa sorte aos Arianos
Boa sorte aos Arianos

 

Fundou o OtakuPT em 2007 e desde então já escreveu mais de 40 mil artigos sobre anime, mangá e videojogos.