Mais...
    InícioAnimePena de morte solicitada formalmente para incendiário da Kyoto Animation pelo ministério...

    Pena de morte solicitada formalmente para incendiário da Kyoto Animation pelo ministério público no encerramento do julgamento

    Depois de matar 36 pessoas, o incendiário ainda diz achar que o que a Kyoto Animation fez foi errado

    Kyoto Animation logo HD

    Hoje, dia 7 de dezembro, o ministério público do Japão apresentou os seus argumentos finais no julgamento de Shinji Aoba, o incendiário que atacou o estúdio de animação Kyoto Animation em julho de 2019, matando 36 pessoas.

    Ao longo do julgamento, o advogado de Aoba sustentou que o homem, agora com 45 anos, estava sob intenso sofrimento emocional, tornando-o incapaz de distinguir o certo do errado e, portanto, incapaz de ser responsabilizado legalmente pelo resultado das suas ações, no entanto, o ministério público discorda e solicitou agora formalmente a pena de morte.

    Nas suas declarações finais o ministério público afirmou:

    Ressentido com a Kyoto Animation e como forma de vingança, [o réu] realizou [um ataque] com o maior número de vítimas [de assassinato] na história dos julgamentos criminais japoneses…

    As suas ações foram realizadas com firme intenção assassina, premeditação e amplo conhecimento dos perigos de espalhar e acender a gasolina [que ele usou no ataque].

    Não há nenhuma circunstância presente para a qual a pena capital deva ser evitada.

    Durante os procedimentos do dia anterior, Aoba fez a primeira declaração que pode ser considerada um sinal de remorso desde o início do julgamento. Quando questionado sobre como responderia às declarações de familiares que perderam entes queridos no seu ataque, Aoba respondeu: “Tudo o que posso dizer é que lamento profundamente”.

    Porém, no mesmo dia, Aoba foi mais uma vez questionado sobre os seus sentimentos de ressentimento em relação à Kyoto Animation, que decorrem da sua afirmação de que o estúdio plagiou uma cena para uma de suas séries anime de um romance que ele tinha inscrito num concurso de redação realizado pelo estúdio, apesar da cena em questão retratar uma parte extremamente comum e normal da vida quotidiana no Japão de uma forma de importância narrativa mínima.

    Quando questionado “Você ainda acha que o que a Kyoto Animation fez foi errado?”, Aoba respondeu: “Seria mais fácil se esse sentimento desaparecesse, mas ele não desapareceu, então tenho coisas em que pensar”.

    No dia anterior ao julgamento, ao ser questionado sobre as suas ações, ele também explodiu: “Não haverá perguntas sobre o que Kyo Ani fez?

    Aoba provavelmente também não se ajudou a obter qualquer clemência quando questionado a 6 de dezembro sobre se o número de mortos no seu ataque foi maior do que ele esperava inicialmente devido a fatores como uma escada em espiral dentro do estúdio que tornava difícil para as vítimas evacuar rapidamente o prédio em chamas, pois encheu-se de fumo sufocante. Aoba respondeu “Não posso negar que houve factores de sorte e azar”, embora a sua formulação deixe vago o que precisamente ele considera “sorte” neste contexto.

    Antes do início do seu julgamento, quando Aoba soube pela primeira vez durante o interrogatório da polícia que o número total de mortes no ataque tinha sido de 36, ele reagiu com “Ah, é mesmo?”, e afirmou “Pensei que se eu espalhasse gasolina à volta do prédio enquanto acendia o fogo, eu poderia matar mais pessoas, então foi por isso que fiz isso”.

    O veredicto e a sentença do julgamento estão programados para serem anunciados dia 25 de janeiro.

    No Japão ainda está em vigor a Pena de Morte e muitos alegam que o incendiário se poderia tentar refugir numa condição psiquiátrica para tentar escapar a uma condenação mais pesada que em última instância poderá agora mesmo ser a Pena de Morte.

    O estúdio de animação já se pronunciou anteriormente sob a sua prisão pedindo a “máxima culpabilidade que a lei permite”.

    ViaNHK
    Helder Archer
    Helder Archer
    Fundou o OtakuPT em 2007 e desde então já escreveu mais de 50 mil artigos sobre anime, mangá e videojogos.

    Artigos Relacionados

    Subscreve
    Notify of
    guest

    0 Comentários
    Inline Feedbacks
    View all comments
    - Publicidade -

    Notícias

    Populares