Sword Art Online: Alicization – War of Underworld 2: Episódio 03 (39|88) – ALO de Alicization

 War of Underworld 2: Episódio 03

Artigo por Jonh Vini.

Antes de falar do episódio em si quero dar destaque nas telas de título da temporada em si, desde o final de Alicization elas começaram a aparecer com noises, de poucas no final da primeira parte até agora que estão mais evidentes, sei que todo mundo notou isso, a não ser que você pule elas, mas é um detalhe pouco comentado que poderia ter um mais destaque pois esse simples detalhe ajuda a situar o nível de progresso da trama desta obra está tendo em relação ao roteiro original.

Um detalhe bobo, mas legal.
Um detalhe bobo, mas legal.

Indo por episódio em si temos o começo morno, pois como falei no episódio, a luta de Bercouli com o vilão deveria ter sido em um episódio para ter um pouco mais de peso que tem e foi passado nos três episódios que a citaram, mas nesse episódio veio a mim um pensamento que provavelmente vocês já tiveram que se tivéssemos um outro contexto tal luta teria passado um sentimento maximizado, pois no mesmo dia que assisti esse episódio de SAO também assistir um da nova temporada de Fire Force, ambas as obras apresentam uma animação fantástica, mas as histórias nem tanto, sei Fire Force é um battle shounen tradicional com história simples e objetivos já traçados desde os primeiros episódios, mas para mim os primeiros episódios de Fire Force com sua história corrida meio que me prejudicou a criar simpatia com a obra, só assisto mesmo para ver algo raro: um anime da David Production bem animado; já especificamente para esta parte de SAO este sentimento é intensificado pois adorei a história apresentada nas duas primeiras temporadas, mesmo elas sendo bastante clichês, e tudo que foi apresentado na primeira parte de Alicization reforçou o sentimento de saciedade para com a franquia desde a abertura da LiSA até a Cardinal e o bullshit dos andares que encarei como fosse níveis de um jogo, mas aí chega o WoU e transformou o Alicization na primeira temporada, pois todo mundo lembra que começou com a incrível história de Aincrad, principalmente vocês leitores que perdem a adaptação do Progressive para que a mancha negra chamada ALfheim Online seja removida da primeira temporada, sim o arco das fadinhas é uma grande mancha das nossas lembranças calorosas da tensão de Aincrad nos passava, me lembrei de ALO justamente neste episódio todo desde essa cena até os fatos que irei citar a frente.

Descanse em paz, nobre guerreiro.
Descanse em paz, nobre guerreiro.

Outro ponto que quero citar é justamente uma comparação direta com a franquia Fate já que visualmente Alicization remete muito a UBW, então pensei que se SAO utilizasse a grande estrutura de marketing chamada spin-off, pensem se tivéssemos muitos E se? ou até mesmo um Progressive deste arco em si, vou além se tivéssemos um Alicization sem os personagens principais da franquia transformando este arco numa espécie de Accel World para franquia, pois cena como o fim do pugilista e a carvalheira sem emoção ganharia contornos de épicos trágicos por si pois mesmo lutando com todas as forças veem que sua batalha foi em vão já que a força do inimigo é colossal, já os personagens em si não conseguir criar simpatia com eles justamente pelo modo que foram apresentados na primeira parte de WoU, sem nenhum esmero para que nós não preocupamos com eles, mesmo que o ship já era esperado desde dos primeiros minutos deles contracenando.

Fofo, mas triste.
Fofo, mas triste.

Indo para parte principal e provavelmente o main plate deste episódio que é justamente o fantasma da primeira temporada: os caixões risonhos, é um elemento que gosto desde foi representada na primeira temporada, mas desde lá eu tinha um desejo que um arco fosse criado para vermos o ponto de vista de um dos membros dessa guilda “rival” para gerar antipatia, mas para termos uma discussão moral sobre o quanto uma pessoa pode inclinar sua moralidade para cometer atos imorais, ilícitos não poderia dizer pois nunca foi nos dito por Kayaba um código de ética para o jogo então provavelmente as ações deles não eram vistas com infrações; tal arco cairia como uma luva para o GGO quanto para esse episódio pois aparentemente o líder dessa guilda se tornou um dos membros dos mercenários-vilões dessa temporada, se esse arco existisse não teríamos aquela mesma história de que os vilões querem atrapalhar a vida dos heróis e de quebra colocaria de novo o anime na boca do povo, mas dessa vez com um ponto positivo ao invés do negativo do primeiro episódio.

“—Oi. ”
“—Oi. ”

O ponto mais cômico fica justamente o fato que agora os minions são de contas chinesas e coreanas, ae tudo que é necessário para deixar a obra mais genérica que está, para aqueles que não entenderam, espero que sim pois não quero dar uma aula de história na próxima review, o Japão já invadiu esses dois países e usando um termo bem eurocêntrico: colonizou eles e esse período de “colonização” só acabou quando os japoneses perderam a guerra, mas nunca rolou uma indenização para esses dois países vinda do Japão, na verdade nem um pedido de desculpas e desde desse período “negro” da história japonesa que China e Coréias(sim, no plural mesmo) mantém uma rivalidade com o Japão, bem isso que falei é o resumo do resumo da história, indo para o tempo do anime que a piada fica completa pois esperava que sul-coreanos entrassem no “jogo”, pois até mesmo o spam da trupe dos vilões invocava o sentimento nacionalista sul-coreano, mas eles conseguirem mandar esse spam para a China é o problema, pois não é segredo para ninguém que lá o controle estatal é enorme, então uma mensagem de fora passaria fácil na censura chinesa que ou aproveitaria e mandaria um spyware para identificar e achar o plano japonês de criação de uma IA belicosa e ou denunciaria a ONU ou roubaria para uso próprio, ou mais real que barraria o spam por vim de um servidor de fora do país; o fato de ter um usuário dessa leva de minions que achar que está fazendo algo errado poderá ser um ponto bom pois haverá a percepção que nem tudo é maniqueísmo para os seres do Underworld, mas ele entrou por causa de uma amiga, chinesa, dizendo que seus amigos, estadunidenses, logaram nesse jogo é perderam para os “malvados” japoneses, o que seria interessante se tivéssemos uma cena na primeira parte mostrando um contato deles, tirando isso espero que no próximo episódio voltamos aquela vibe do episódio anterior e sim aquele última cena era esperada pois alguém vazou a informação para os mercenários, só que eles chegaram no mesmo dia do resgate do herói principal da franquia.

Todo mundo sabe que sim.                  
Todo mundo sabe que sim.

Basicamente era isso que eu tinha para falar neste desabafo de Sao 3 Parte 3, aqui é Jonh Vini e essa foi minha review desta série, estou à espera dos vossos Feedbacks do episódio e da temporada como um todo, também espero Feedbacks da review para melhorar minha escrita para vocês, não se afobem pois arrependimento mata, vamos discutir pacificamente é saudável e enriquece a vida e até mais.