Todo o fan-service em Fuuka foi censurado no Youtube

Tal como noticiámos anteriormente no passado dia 20 de fevereiro para comemorar o fim da serialização do mangá Hitman por , a adaptação para série anime do mangá foi disponibilizada gratuitamente no canal oficial de YouTube da Weekly Shonen Magazine, mas os fãs tiveram uma surpresa desagradável.

A versão colocada no YouTube censurou praticamente todo o conteúdo de fan-service com enormes retângulos pretos e o efeito é hilariante.

Os japoneses ficaram desapontados por esta versão gratuita da série ser completamente censurada.

Fuuka é um mangá escrito e ilustrado por Kouji Seo, que foi publicado na Weekly Shonen Magazine da Kodansha entre fevereiro de 2014 e abril de 2018, com um total de vinte volumes. A adaptação para série anime foi exibida originalmente no Japão entre janeiro e março de 2017 e convém relembrar que a série anime tem uma história diferente do mangá.

A série anime de Fuuka estreou dia 6 de Janeiro de 2017 com animação pela (Squid Girl, ), direção de (Kan Colle, Magical Girl Lyrical Nanoha A’s), argumento de  (Endride, KONOSUBA) e design de personagens de  (The Lost Village).

No site oficial podemos ler:

O protagonista, Yuu Haruna, muda-se para uma nova cidade onde conhece uma garota um pouco estranha que não tem telefone. A menina, Fuuka, parece ter um fascínio estranho que atrai as pessoas, muito parecido como uma brisa de verão.