Estes são os nomeados para os Óscares 2023

Tal como noticiámos ontem, mais uma vez o anime ficou de fora do Óscares e em baixo encontram os os nomeados para os Óscares 2023.

O destaque vai para a presença de Ice Merchants, a primeira curta-metragem de animação portuguesa nomeada para um Óscar.

Da autoria de João Gonzalez, a curta animada Ice Merchants acompanha a rotina de pai e filho que vivem numa casa isolada no topo de uma montanha. Todos os dias saltam de paraquedas para vender o gelo que produzem na pequena aldeia lá em baixo.

Os vencedores serão apresentados dia 12 de março.

Nomeados para a 95.ª edição dos Óscares

Melhor filme

  • “A Oeste Nada de Novo”
  • “Avatar: O Caminho da Água”
  • “Os Espíritos de Inisherin”
  • “Elvis”
  • “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”
  • “Os Fabelmans”
  • “Tár”
  • “Top Gun: Maverick”
  • “O Triângulo da Tristeza”
  • “A Voz das Mulheres”

Melhor realização

  • “Os Espíritos de Inisherin”, Martin McDonagh
  • “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”, Daniel Kwan and Daniel Scheinert
  • “Os Fabelmans”, Steven Spielberg
  • “Tár”, Todd Field
  • “O Triângulo da Tristeza”, Ruben Östlund

Melhor ator

  • Austin Butler, “Elvis”
  • Colin Farrell, “Os Espíritos de Inisherin”
  • Brendan Fraser, “A Baleia”
  • Paul Mescal, “Aftersun”
  • Bill Nighy, “Living”

Melhor atriz

  • Cate Blanchett, “Tár”
  • Ana de Armas, “Blonde”
  • Andrea Riseborough, “To Leslie”
  • Michelle Williams, “Os Fabelmans”
  • Michelle Yeoh, “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”

Melhor ator secundário

  • Brendan Gleeson, “Os Espíritos de Inisherin”
  • Brian Tyree Henry, “Causeway”
  • Judd Hirsch, “Os Fabelmans”
  • Barry Keoghan, “Os Espíritos de Inisherin”
  • Ke Huy Quan, “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”

Melhor atriz secundária

  • Angela Bassett, “Black Panther: Wakanda Para Sempre”
  • Hong Chau, “A Baleia”
  • Kerry Condon, “Os Espíritos de Inisherin”
  • Jamie Lee Curtis, “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”
  • Stephanie Hsu, “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”

Melhor argumento adaptado

  • “A Oeste Nada de Novo”, Edward Berger, Lesley Paterson e Ian Stokell
  • “Glass Onion: Um Mistério Knives Out”, Rian Johnson
  • “Living”, Kazuo Ishiguro
  • “Top Gun: Maverick”, Ehren Kruger e Eric Warren Singer e Christopher McQuarrie
  • “A Voz das Mulheres”, Sarah Polley

Melhor argumento original

  • “Os Espíritos de Inisherin”, Martin McDonagh
  • “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”, Daniel Kwan e Daniel Scheinert
  • “Os Fabelmans”, Steven Spielberg e Tony Kushner
  • “Tár”, Todd Field
  • “O Triângulo da Tristeza”, Ruben Östlund

Melhor direção de fotografia

  • “A Oeste Nada de Novo”, James Friend
  • “Bardo”, Darius Khondji
  • “Elvis”, Mandy Walker
  • “Império da Luz”, Roger Deakins
  • “Tár”, Florian Hoffmeister

Melhor filme internacional

  • “A Oeste Nada de Novo” (Alemanha)
  • “Argentina, 1985” (Argentina)
  • “Close” (Bélgica)
  • “EO” (Polónia)
  • “The Quiet Girl” (Irlanda)

Melhor documentário

  • “All That Breathes”
  • “Toda a Beleza e Carnificina”
  • “Fire of Love”
  • “A House Made of Splinters”
  • “Navalny”

Melhor documentário de curta-metragem

  • “The Elephant Whisperers”
  • “Haulout”
  • “How Do You Measure a Year?”
  • “The Martha Mitchell Effect”
  • “Stranger at the Gate”

Melhor curta-metragem

  • “An Irish Goodbye”
  • “Ivalu”
  • “Le Pupille”
  • “Night Ride”
  • “The Red Suitcase”

Melhor curta-metragem de animação

  • “The Boy, the Mole, the Fox and the Horse”
  • “The Flying Sailor”
  • “Ice Merchants”
  • “My Year of Dicks”
  • “An Ostrich Told Me the World Is Fake and I Think I Believe It”

Melhor filme de animação

  • “Pinóquio de Guillermo del Toro”
  • “Marcel the Shell with Shoes On”
  • “O Gato das Botas: O Último Desejo”
  • “O Monstro Marinho”
  • “Turning Red”

Melhor montagem

  • “Os Espíritos de Inisherin”, Mikkel E.G. Nielsen
  • “Elvis”, Matt Villa e Jonathan Redmond
  • “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”, Paul Rogers
  • “Tár”, Monika Willi
  • “Top Gun: Maverick”, Eddie Hamilton

Melhor Cenografia

  • “A Oeste Nada de Novo”, Christian M. Goldbeck e Ernestine Hipper
  • “Avatar: O Caminho da Água”, Dylan Cole e Ben Procter, Vanessa Cole
  • “Babylon”, Florencia Martin e Anthony Carlino
  • “Elvis”, Catherine Martin e Karen Murphy, Bev Dunn
  • “Os Fabelmans”, Rick Carter e Karen O’Hara

Melhor maquilhagem e cabelo

  • “A Oeste Nada de Novo”, Heike Merker e Linda Eisenhamerová
  • “The Batman”, Naomi Donne, Mike Marino e Mike Fontaine
  • “Black Panther: Wakanda Para Sempre”, Camille Friend e Joel Harlow
  • “Elvis”, Mark Coulier, Jason Baird e Aldo Signoretti
  • “A Baleia”, Adrien Morot, Judy Chin e Anne Marie Bradley

Melhor guarda-roupa

  • “Babylon”, Mary Zophres
  • “Black Panther: Wakanda Para Sempre”, Ruth Carter
  • “Elvis”, Catherine Martin
  • “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”, Shirley Kurata
  • “Um Sonho em Paris”, Jenny Beavan

Melhor banda sonora original

  • “A Oeste Nada de Novo”, Volker Bertelmann
  • “Babylon”, Justin Hurwitz
  • “Os Espíritos de Inisherin”, Carter Burwell
  • “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”, Son Lux
  • “Os Fabelmans”, John Williams

Melhor canção

  • “Applause” de “Tell It like a Woman”, música e letra de Diane Warren
  • “Hold My Hand” de “Top Gun: Maverick”, música e letra de Lady Gaga e BloodPop
  • “Lift Me Up” de “Black Panther: Wakanda Para Sempre”, música de Tems, Rihanna, Ryan Coogler e Ludwig Goransson, letra de Tems e Ryan Coogler
  • “Naatu Naatu” de “RRR”, música de M.M. Keeravaan, letra de Chandrabose
  • “This Is A Life” de “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”, música de Ryan Lott, David Byrne e Mitski, letra de Ryan Lott e David Byrne

Melhor som

  • “A Oeste Nada de Novo”, Viktor Prášil, Frank Kruse, Markus Stemler, Lars Ginzel e Stefan Korte
  • “Avatar: O Caminho da Água”, Julian Howarth, Gwendolyn Yates Whittle, Dick Bernstein, Christopher Boyes, Gary Summers e
  • Michael Hedges
  • “The Batman”, Stuart Wilson, William Files, Douglas Murray e Andy Nelson
  • “Elvis” David Lee, Wayne Pashley, Andy Nelson e Michael Keller
  • “Top Gun: Maverick”, Mark Weingarten, James H. Mather, Al Nelson, Chris Burdon e Mark Taylor

Melhores efeitos visuais

  • “A Oeste Nada de Novo”, Frank Petzold, Viktor Müller, Markus Frank e Kamil Jafar
  • “Avatar: O Caminho da Água”, Joe Letteri, Richard Baneham, Eric Saindon e Daniel Barrett
  • “The Batman”, Dan Lemmon, Russell Earl, Anders Langlands e Dominic Tuohy
  • “Black Panther: Wakanda Para Sempre”, Geoffrey Baumann, Craig Hammack, R. Christopher White e Dan Sudick
  • “Top Gun: Maverick”, Ryan Tudhope, Seth Hill, Bryan Litson e Scott R. Fisher
Subscreve
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments