Japão declara estado de emergência em Tóquio

Cenário do ano passado que comprometeu a produção anime volta a repetir-se

Japão declara estado de emergência em Tóquio

 Já ontem falamos sobre esta possibilidade e tal veio mesmo acontecer, o governo japonês acaba de declarar um novo estado de emergência em Tóquio e nas prefeituras vizinhas de Saitama, Kanagawa e Chiba, em resposta ao alto índice de novas infeções de Covid-19.

O estado de emergência estará em vigor de sexta-feira, 8 de janeiro, a domingo, 7 de fevereiro. Tal como no primeiro estado de emergência isto terá implicações na produção de anime e poderá comprometer mesmo alguns títulos uma vez que a maioria dos estúdios de animação está situada em Tóquio.

Para já em resposta a este novo estado de emergência algumas companhias estão já a cancelar eventos.

Ao contrário do estado de emergência anterior na primavera passada, o governo japonês indicou que as escolas não estarão sujeitas a restrições adicionais (além de medidas voluntárias de autocontenção). No entanto, as prefeituras pediram aos residentes que evitem passeios não essenciais após as 20h00. Também estão a pedir aos restaurantes e outros locais que servem comida ou bebida que fechem antes das 20h00 todas as noites, e para não servir bebidas alcoólicas depois das 19h00.

Esta é a segunda vez que estas prefeituras estarão em estado de emergência durante a pandemia de COVID-19, depois de um estado de emergência de quase dois meses em todo o país, do início de abril ao final de maio do ano passado. Ao contrário dos bloqueios em outros países, o estado de emergência da primavera passada no Japão dependia do cumprimento voluntário das regras em vez de penalidades. O presidente do Japão disse que vai forçar uma revisão das leis atuais para permitir penalidades.

O Japão relatou 7.101 novos casos de COVID-19 esta quinta-feira, o terceiro dia consecutivo com uma alta diária de todos os tempos. Só Tóquio relatou pelo menos 2.447 novos casos de COVID-19, o segundo dia consecutivo com maior alta diária. Tóquio também relatou um recorde de 121 pessoas gravemente doentes com COVID-19, o segundo dia consecutivo com uma alta diária de todos os tempos. Uma nova variante mais contagiosa (que foi relatada pela primeira vez no Reino Unido) do COVID-19 foi identificada em 25 pessoas no Japão na quarta-feira.