Origin e Penguin Highway premiados no 22º Japan Media Arts Festival

Origin e Penguin Highway premiados no 22º Japan Media Arts Festival

Foi ontem revelado os grandes vencedores do 22º Japan Media Arts Festival, que visa em honrar um vasto leque de media desde manga, animação, arte, videojogos e entretenimento.

Os grandes vencedores deste ano foram: na categoria de mangás, o seinen sci-fy Origin de Boichi (Dr.Stone, Sun-Ken Rock) que terminou a sua serialização o mês passado na Young Magazine e na categoria de animação La Chute uma curta animada francesa de Boris Labbé.

Nas restantes categorias de mangá os vencedores foram:

  • Prémio de excelência
    • Spacebattleship Tiramisu (História:Miyagawa Satoshi / Arte:Ito Kei)
    • Nagi’s Long Vacation (Konari Misato)
    • MOMO&MANJI (Sakura Sawa)
    • To dusk (Saito Nazuna)
  • New Face Award
    • KIIROI ENBAN (Yellow Disk) – KIJIMA Tenshin
    • The Invisible Difference (Mademoiselle Caroline / Julie Dachez)
    • metamorphose no engawa (Tsurutani Kaori)

Nas restantes categorias de animação os vencedores foram:

  • Prémio de excelência
    • The Girl Without Hands (Sebastien Laudenbach)
    • DRAGON PILOT: Hisone & Masotan (Higuchi Shinji)
    • penguin highway (Ishida Hiroyasu)
    • OKKO’S Inn (Kosaka Kitaro)
  • New Face Award
    • Invisible (Yamashita Akihiko)
    • Am I a Wolf? (Amir Houshang Moein)
    • The Little Ship (Anastasia Makhlina)

O Japan Media Arts Festival atribui prémios em quatro categorias: arte, entretenimento, animação e manga. Também oferece uma plataforma para a apreciação para os vencedores e outros trabalhos notáveis. Desde a sua criação em 1997, o festival reconheceu trabalhos de grande nota artística e criatividade, e em adição uma exibição anual das obras vencedores tal como outros eventos como exibições de demonstrações.

A 22º edição do festival recebeu 4,384 candidaturas para os prémios de 102 países e regiões de todo o mundo, demonstrando uma continua evolução como festival anual internacional. As obras vencedoras são exibidas tanto no Japão como em outros países através de vários projetos e eventos organizados pela Agency of Cultural Affairs, o governo japonês visa em desenvolver e promover a criação de artes de media focando primeiramente na nova geração de artistas.