Nintendo toma ação contra criações no Dreams

No mês anterior, a Sony e a Media Molecule lançaram Dreams para a Playstation 4. Este projeto deu-nos a possibilidade de criarmos o jogo que sempre desejamos, e como não podia deixar de ser inúmeros projetos de outras propriedades intelectuais começaram a ser criadas.

Algumas destas foram da Nintendo, e pelo que parece não deixaram nada satisfeita a gigante de Kyoto.

Um utilizador no Twitter chamado, Piece_of_Craft says, revelou que o seu projeto envolvendo o Mario, foi removido. Este recebeu um e-mail referindo que infringiu os direitos de uma empresa, e que a Nintendo é a única que possui os mesmos usar as suas personagens nos seus jogos. Se são criadores de projetos que envolvam IPs da Nintendo, podem dizer-lhes adeus.

Lê a nossa análise a Dreams aqui.

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.
Subscreve
Notify of
guest
5 Comentários
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
João Vítor Nerís
22 , Março , 2020 16:50

eles estão e mais que certo

Hollowfied
Hollowfied
22 , Março , 2020 16:50

Claramente isso daria merda uma hora.

Icaro Miguel
Icaro Miguel
22 , Março , 2020 16:50

Estava demorando. Nintendo escrota como sempre

Bruno Reis
Bruno Reis
Reply to  Icaro Miguel
23 , Março , 2020 12:26

A SEGA é um exemplo a seguir nestes acontecimentos. Todos os anos existe um evento por alturas do verão onde fãs publicam vários jogos de Sonic em desenvolvimento. Além disso oferece oportunidades e emprego a pessoas com os programadores da Headcanon, ou Tee Lopes que estiveram encarregados de Sonic Mania, e antes produziram Sonic CD e Sonic the Hedgehog 2 para os telemóveis.

E
E
Reply to  Bruno Reis
24 , Março , 2020 13:47

Eu não sei não, não sei se é justo comparar as duas.