Conheçam o fantástico mundo de Balan Wonderworld

A Square-Enix anunciou Balan Wonderworld, um novo jogo de plataformas 3D da autoria de Yuji Naka e Naoto Ohshima. O jogo será lançado para PlayStation 5, Xbox Series X, PlayStation 4, Xbox One, Nintendo Switch e PC Steam durante a primavera de 2021.

Este projeto voltou a juntar os criadores originais de Sonic The Hedgehog, e promete recriar toda a magia dos grandes clássicos da era dourada da Sega

Através do site oficial podemos ler:

“Entrando numa terra extravagante e bizarra através de um teatro misterioso, os jogadores assumem o papel de Leo e Emma enquanto embarcam numa aventura fantástica jamais vista! Liderados por um maestro enigmático chamado Balan, a dupla deve navegar pelo Mundo das Maravilhas para restaurar a felicidade e equilibrar os corações e as mentes de todos os seus habitantes.

Os jogadores descobrirão mais de 80 fatos extraordinários ao longo desta jornada. Estas indumentárias além de mudarem aparências de Leo e Emma, ainda lhes concedem uma ampla gama de poderes fantásticos para superar obstáculos e conquistar duras provas. As possibilidades são infinitas enquanto derrubam os seus inimigos, caminham no ar, congelam o tempo e manipulam todos os tipos de objetos!

Balan Wonderworld é uma experiência totalmente nova criada por nomes célebres na indústria dos videojogos, tais como o diretor Yuji Naka (criador da franquia Sonic the Hedgehog, e co-fundador da Sonic Team) e o ‘designer’ de personagens Naoto Ohshima (Sonic the Hedgehog, Dr.Eggman), diretor de Nights e Burning Rangers, e co-fundador da Sonic Team) Este jogo marca a primeira colaboração de Yuji Naka e Naoto Ohshima em 20 anos e será o primeiro titulos da recém-criada BALAN COMPANY. Este estúdio  promete abrigar alguns dos maiores e mais talentosos de nomes dos videojogos, para contar as melhores histórias e fornecer as melhores experiências aos jogadores.”

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.