Electronic Arts bate Take-Two e compra a Codemasters por 1.2 bilhões de dólares

O mês passado tudo parecia estar encaminhado para a Take-Two Interactive (Grand Theft Auto, Borderlands) comprar a Codemasters, a editora atualmente responsável pelos jogos Dirt e F1, mas a Electronic Arts intrometeu-se nas negociações e revelou agora que será a companhia a fazer a aquisição da companhia por 1.2 bilhões de dólares.

No comunicado à imprensa a EA afirma:

Acreditamos que existe uma oportunidade profundamente atraente em reunir a Codemasters e a Electronic Arts para criar novos jogos de corrida incríveis e inovadores para os fãs. A nossa indústria está a crescer, a categoria de corridas está a crescer e, juntos, estaremos posicionados para liderar uma nova era de entretenimento de corridas. Por muitos anos, admiramos o talento criativo e os jogos de alta qualidade da Codemasters. Com o aproveitamento total da tecnologia, experiência de plataforma e alcance global da EA, esta combinação vai permitir-nos aumentar as nossas franquias existentes e oferecer mais experiências de corrida que definem a indústria para uma base de fãs global. Estamos satisfeitos que os nossos Conselhos de Administração recomendem esta transação e esperamos dar as boas-vindas a uma equipe tão empolgante e talentosa para a família Electronic Arts.

O Conselhos de Administração da Codemasters justificou assim a não escolha da Take-Two:

Ao avaliar a oferta da EA, o Conselho da Codemasters considerou vários aspectos da Oferta EA e considera a Oferta EA como uma oferta superior para os acionistas da Codemasters em comparação com a Oferta Take-Two.

Recentemente a Codemasters conseguiu adquirir os direitos dos jogos FIA World Rally Championship (WRC) e em 2019 adquiriu a Slightly Mad, produtores de Project Cars e Fast & Furious Crossroads.

Fundou o OtakuPT em 2007 e desde então já escreveu mais de 40 mil artigos sobre anime, mangá e videojogos.