Hades vence o prémio de Melhor Jogo do Ano nos BAFTA Game Awards 2021

The Last of Us: Parte II conquistou os votos do público

Os BAFTA (British Academy Film Awards) terminam a sua edição referente às obras 2020.

A requintada celebração do Reino Unido que premeia diversas obras de arte audiovisual, também celebra e entrega prémios para os videojogos que se destacaram num ano. Contrariamente ao que muitos esperavam, The Last of Us: Parte II, não colecionou a cobiçada estatueta. Essa honra coube a Hades a obra da Super Giant Games, que além de vencer o prémio de Jogo do Ano, também arrecadou os prémios de: Melhor Direção Artística, Design, Narrativa, e Performance num Papel Secundário, com Logan Cunningham, que representou diversos papeis no jogo.

Embora não tenha vencido a competição, The Last of Us: Parte II, convenceu os votos dos fãs e levou o prémio de Melhor Jogo Do ano Pela Votação do Público, além de colecionar mais duas estatuetas para as categorias de Melhor Animação, e Performance num Papel Principal, onde Laura Bailey convenceu o júri com a sua atuação como Abby. Ghost of Tsushima, venceu a categoria de melhor realização de áudio, Marvel’s Spider-Man: Mile’s Morales levou para a casa a estatueta de Melhor Banda-Sonora num jogo, Dreams para Melhor Conquista Tecnológica, com Siobhan Reddy, a diretora de estúdio da Media Molecule a ser homenageada com a Fellowship, a maior honra que os BAFTA podem conceder a uma identidade. Finalmente Sackboy: A Big Adventure, foi o vencedor nas categorias de Melhor Jogo Familiar e Jogo Britânico. No cômputo geral de marcas a Sony foi a empresa que arrecadou mais prémios na competição de 2020.

Mesmo assim, jogo Sea of Thieves na Xbox, venceu o prémio de Melhor Jogo Evolutivo, e Animal Crossing: New Horizons da Nintendo venceu os prémios de Jogo Além de Entretenimento, e Melhor Multiplayer. Por último, mas certamente não menos importante o tenebroso Carrion, venceu a categoria de Melhor Jogo Estreante.

A transmissão podem ser assistida na integra abaixo.

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.
Subscreve
Notify of
guest
2 Comentários
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
Fernando Moura
Fernando Moura
26 , Março , 2021 22:27

Merecido, e quem jogou sabe

1102
1102
26 , Março , 2021 13:45

Já vi que muita gente vai encher o saco agora, nem pergunte.