Criador de One Piece fala sobre as condições que impôs para a criação de uma série live-action

É com muita desconfiança que os fãs do mangá One Piece de Eiichiro Oda aguardam a sua adaptação para série live-action pela Netflix e durante as comemorações dos 20 anos do mangá Oda falou sobre a série live-action de One Piece.

Recebi inúmeras ofertas de adaptações para live-action de One Piece. Três anos atrás, eu finalmente decidi dar um passo em frente para uma adaptação live-action. Depois de várias reviravoltas, encontrei o parceiro certo. A primeira condição que apresentei é que o live-action seja fiel aos fãs que apoiaram One Piece por 20 anos. Espero ouvir as preocupações dos fãs, mas mais do que isso, estou ansioso para ouvir o seu entusiasmo.

Recentemente a Netflix revelou o logo da série live-action de One Piecee são esperadas agora mais novidades sobre o projeto, nomeadamente que é o seu elenco.

Eiichiro Oda está a supervisionar a série pessoalmente, com Matt Owens (Agents of S.H.I.E.L.D., Luke Cage) a servir como escritor / produtor executivo na co-produção entre a Netflix e os Tomorrow Studios.

Esta adaptação, anunciada desde janeiro de 2020, foi suspensa devido à pandemia de COVID-19, no entanto, o produtor Steven Maeda revelou em março através do Instagram que a produção já tinha recomeçado.

Como a Netflix conseguiu convencer o criador de One Piece a permitir uma adaptação para série live-action

Sinopse de One Piece

Gol D. Roger era conhecido como o “Rei dos Piratas”, o ser mais forte e mais famoso que já navegou na Grand Line. A captura e execução de Roger pelo Governo Mundial trouxe uma mudança em todo o mundo. As suas últimas palavras antes da sua morte revelaram a existência do maior tesouro do mundo, o One Piece. Foi essa revelação que deu início à Grande Era dos Piratas, homens que sonhavam em encontrar o One Piece, que promete uma quantidade ilimitada de riquezas e fama, e muito possivelmente o pináculo da glória e o título de Rei dos Piratas.

Fundou o OtakuPT em 2007 e desde então já escreveu mais de 40 mil artigos sobre anime, mangá e videojogos.