El-Melloi II: Episódio 4 – Os mortos Falam

El-Melloi II: Episódio 4 – Os mortos Falam

Artigo enviado por Jonh Vini.

Antes de tudo uma trívia pois 4 em japonês é falado shi (し) que é a mesma pronúncia de morte (死) é algo engraçado pois nesse episódio temos um caso envolvendo necromantes e assassinatos, mas tudo começa com uma lembrança do passado pois quando Gray iria chamar seu mestre ver ele com um pedaço de pano carmim e para quem assistiu o Zero sabe muito bem quem é o dono, após relembrar o passo Velvet liga para sua adorável irmã pedindo informações sobre a solicitação de serviço pedido pelo departamento de evocações espirituais; no dia seguinte Velvet vai visitar o solicitante e acaba o atrapalhando com outro assunto importante.

Olha a compostura na torre do relógio.

Ao recebê-los Velvet logo dar suas condolências ao pai do mesmo, que era um Necromante de renome e sua oficina ficava num sítio arqueológico romano, mas essas informações convergem com o motivo da morte do mesmo: um raio, aparentemente logo após da instalação da oficina começou vários incidentes com raios e muitos acabando com morte ou da família do solicitante ou dos transeuntes que não mexiam com magia, o último morto foi justamente o pai do solicitante, Velvet logo raciocina que foi um problema com as correntes arcanas já que é o único tipo de energia envolvida nesse tipo de escavação, mas tinha uma outra coisa, mas isso fica ao chegar ao local; antes de partir Reines se encontra com o chefe do departamento que solicitou o serviços ao seu irmão, que ironicamente é irmão da esposa do irmão anterior dela, eles discutiram sobre a guerra do santo graal, tanto com a anterior quanto a próxima, tanto que a Reines mostra foto de todos os indicados pela torre, pelo menos o que foram já que pelo jeito o Velvet que dar porrada no Graal novamente.

O que ocorre com eles? A) eles vivem e ganham a guerra? B) Vivem e perdem a guerra C) Morrem?
O que ocorre com eles? A) eles vivem e ganham a guerra? B) Vivem e perdem a guerra C) Morrem?

No trem o solicitante, que irei chama-lo agora de Pregador-sensei, diz que o problema é bem pior pois todo esse caso poderá ir a polícia da torre do relógio pois a família dele suspeita que todas as mortes, principalmente do pai, tenha sido ocasionadas por ele, algo que viola a lei de ocultamento mágico e como no episódio passado mostrou, da cadeira mas Velvet pensava que ao resolver poderia adentrar na próxima guerra pela vaga destinada do departamento de evocações espirituais, ao chegar ô local Reines logo sofre com as correntes arcanas pois os olhos místicos dela, chega a ser irônico pois em Kara no Kyoukai a habilidade especial da heroína é justamente os olhos místicos, na própria série é dita que era uma habilidade única aí chegamos em El-Melloi e vermos que não tão raro assim; voltando a essa parte Velvet percebe que irá chover e fala para todos andarem rápido, o engraçado fica na chegada.

Eu depois de correr por cinco minutos.

Logo na recepção uma surpresa nada agradável pois Adashino Hishiri, uma das líderes da polícia da torre logo prende o Pregador-sensei já que a suspeita de “homicídio” e falta de ocultamento mágico chegou bem rápido a polícia e ao chegar à mansão para investigar junto com uma Necromante da família do Pregador-sensei, que já teve um caso com ele, comprovou que todas as pistas estavam apagadas, mas Velvet logo defendeu seu cliente pois não deixaria uma oportunidade de ouro como essa escapar e diz que veio para aquela mansão justamente para averiguar esse caso e pediu para a Adashino um tempo para investigar o local e conseguir defender seu cliente, sem muito que pensar ela aceita pois confia no trabalho do nosso Velvet.

A Bela flor oriental da polícia da torre.

Então a equipe de trabalho foi divido em duas sendo Velvet e Pregador-sensei um par e Reines e Gray o outro, o Pregador-sensei leva o Velvet ao escritório do pai dele e depois de algumas informações extras, que já lhes contei no início do parágrafo, algo que misterioso ocorre no local: o aparecimento de uma fada, que aparente estar presa ao local e vocês lembram que eu disse que todo mundo possui olhos místicos, bem o Pregador-sensei também possui um par de nascimento que só consegue ver as fadas, mas junto os pontos essa fada que apenas o Pregador-sensei ver sempre aparece quando alguém irá morrer.

A fada vidente.

Já o par das meninas descobrem uma passagem secreta que levava diretamente a uma cova cheia de esqueletos, provavelmente de romanos, tal cova estava repleta de energia das correntes arcanas, tanto energia que os olhos da Reines chegaram a flamejar, no mesmo momento elas foram atacadas por espíritos amaldiçoados, mas quando tudo irá para o pior apareceu o nosso Necromante favorito da franquia, Sisigou logo deu uns tiros nos espíritos, salvou nossas raparigas da ofensiva do espíritos e de quebra levou-as para uma saída já que elas estavam presas graças ao um soterramento ocasionado pelo ataque, ao chegar no lobby da mansão ele é recebido pelo Pregador-sensei, que mostra que respeito por ele já que o seu pai trabalhou com Sisigou no passado.

Nem parece que venceu o câncer.

No quarto Reines retornou à consciência, tanto que fez algumas gracinhas com Velvet já que ambos dividiram o quarto, mas Velvet estava pensando sobre o caso e tentando encaixar as peças até ele decide ir para o escritório do falecido e lá encontrar a peça que faltava no quebra-cabeça, mas decidiu postergar a solução do caso para o dia seguinte, só que era tarde pois a Necromante par da Adashino foi encontrada morta e o episódio acaba com uma surpresa também para gente pois não foi mais um caso episódico como nos anteriores.

Lascou.

Ativando o pleonasmo pois esse episódio foi muito bem feito e encaixado a proposta da obra pois tivemos um pouco sobre o que faz o departamentos de evocações espirituais, tivemos as motivações, além das dívidas, do Velvet de se reencontrar com um velho amigo e Reines se preocupando com isso, um episódio muito bem feito tecnicamente, sem nenhuma reclamação visível.

Gray tentando esconder sua origem

Basicamente era isso que eu queria falar sobre esse episódio dos casos amaldiçoados de Velvet, aqui é Jonh Vini e estou há espera vossos Feedbacks desse episódio e da review para melhorar, não se afobem, discutir pacificamente é saudável e enriquece a vida e até mais