Jornalista da BBC afirma que Anime e Manga promovem Pedofilia

Jornalista da BBC afirma que Anime e Manga promovem Pedofilia

Takeshi Nogami, o designer de personagens de  revelou no twitter a estranha entrevista que teve com Stacey Dooley, uma jornalista britânica da BBC Three para um documentário onde ela tinha o claro objetivo de associar Anime e Manga com Pedofilia.

O que deveria ser uma sessão onde Dooley perguntaria a Nogami a sua opinião sobre a representação de jovens em anime acabou com a jornalista a comentar “O meu desejo é colocar todos os pedófilos e aqueles que produzem meios de comunicação pedófilos na prisão” sendo que o japonês claramente se apercebeu que ela o incluía nesse grupo.

Nogami revelou que a entrevista se tornou num argumento sobre o “desejo humano”. Ele admite que acredita que os humanos têm desejos “sujos” e que estes deviam ser ventilados adequadamente. Já Dooley é o oposto e acredita que os seres humanos não têm desejos sujos, mas podem ser corrompidos através da mídia mostrando gore, erótica e pedofilia.

O designer de personagens afirmou ainda que ela foi extremamente agressiva, quase que como uma assassina de Black Lagoon, para promover o seu próprio sentido de justiça.

Dooley continuou a entrevista afirmando que todas as formas de sexualização das jovens nos animes deviam ser banidas dando como por exemplo Girls und Panzer e Yuyushiki.

Escusado será dizer que a entrevista não acabou da melhor maneira com Dooley a perguntar “Porque é que vocês japoneses não seguem o que o Reino Unido faz?” ao que Nogami respondeu “Porque é que os britânicos não seguem o Japão, já que somos mais civilizados e temos uma taxa de criminalidade mais baixa do que o Reino Unido?”.

Para referência a taxa de criminalidade no Japão é de 12.8 o que é significativamente menos que os 48 do Reino Unido. A taxa de violação no Reino Unido é de 14.2 (13º em todo o mundo), já no Japão é de 1.7 (54º no mundo).

No final Nogami afirmou que lamentava que as suas opiniões fossem irreconciliáveis e achou que Dooley irá desvirtuar as suas palavras para distrair o Reino Unido das suas próprias questões de crime sexual.