Atlus pergunta aos seus fãs que jogos querem que sejam produzidos

Campanha o Melhor do Japão

Hee Ho! A Atlus celebra o seu 35.º aniversário este ano.

Para dar início às comemorações, a empresa abriu o seu tradicional questionário anual, que estará disponível até ao dia 8 de março, e à semelhança dos anteriores debruça-se sobre os jogos que os fãs gostariam que fossem produzidos. Este não é muito diferente das anteriores versões de 2019 e 2020, no entanto, verifica-se que a Atlus está bem ciente das novas tendências do mercado e atenta aos desejos dos seus fãs.

Uma das novidades, é a omissão do serviço de jogos por streaming Google Stadia. O seu lugar é ocupado pelas plataformas Xbox -que correspondem à família One e Series– e que pode marcar o início da gigante de Redmond também receber jogos desta grande empresa de nicho.

Também pergunta aos seus fãs se gostariam de ver um novo jogo numerado das Persona, Etrian Odyssey ou Shin Megami Tensei. Se a nossa escolha for Persona, são-nos apresentadas mais opções que consistem em: Um jogo de luta de Persona 5, um jogo de tabuleiro de Persona, um jogo de cartas Persona, um SRPG de Persona, um RPG online de Persona, um Action RPG de Persona, um jogo de ritmo de Persona, um Visual Novel de Persona, e finalmente uma sequela, ou seja, Persona 6. Curiosamente as mesmas opções surgem se escolhermos Shin Megami Tensei. Muito recentemente foi colocado no mercado, Persona 5 Scramble, um spinoff/sequela de Persona 5 que coloca os Phantom Thieves em batalhas contra centenas de exércitos inimigos “Musou”.  Podem ler a nossa análise a esta grande aventura abaixo.

Persona 5 Strikers – Análise (PlayStation 4)

A próxima e última grande questão é certamente a mais interessante para os fãs ocidentais, e portadores das novas consolas e PC. A Atlus questiona que Remakes ou Remasters gostariam que fossem produzidos. As opções são muito diversas e bastante agradáveis: Revelations: Persona, Persona 2: Innocent Sin, Persona 3 / Fes / Portable, Persona 4 / Golden, Persona 5 / Royal, Shin Megami Tensei III Nocturne, Shin Megami Tensei IV, Shin Megami Tensei IV Final (Apocalypse), a série Digital Devil Saga, a série Devil Summoner: Raidou Kuzunoha, a série Etrian Odyssey, 13 Sentinels: Aegis Rim, a série Persona Q, Catherine: Full Body, a série Devil Survivor, Odin Sphere Leifthrasir e finalmente Dragon’s Crown Pro. Como anteriormente foi noticiado o intuito da empresa seria lançar simultaneamente antigos e novos lançamentos nas consolas atuais e na PC Steam.

Sega volta a reforçar o lançamento de títulos da Atlus noutras plataformas

Além destas perguntas podemos encontrar secções referentes a VTubers, estilos de vida, informações pessoais e até mesmo o impacto criado pelo COVID-19.

Convém sublinhar que as sugestões apresentadas não devem ser tomadas como certezas, contudo como vimos no passado algumas se concretizaram.

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal, até à sua atualidade. Devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também é adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.