Drake Hollow receberá versões Windows 10 e PC Steam a 1 de outubro

Após um lançamento bem-sucedido na Xbox One, a The Molasses Flood anunciou que lançará Drake Hollow, na PC Steam e na Microsoft Store para Windows 10 a 1 de outubro de 2020.

Drake Hollow é um jogo de ação cooperativa e construção de aldeias situado em The Hollow – um espelho destruído do nosso mundo – no qual os jogadores protegem as aldeias Drake; o adorável povo vegetal local. Sozinhos ou com amigos, os jogadores exploram um mundo de ilhas gerado dinamicamente, enquanto ajudam os Drakes a combater ameaças terroríficas e manter as suas habitações.

Mistérios e recompensas, assim como perigos, aguardam os curiosos o suficiente para pesquisar cada canto e recanto de The Hollow. Os Drakes estão com fome, sede e precisam de um lugar para dormir. Também podem – literalmente – morrer de tédio. Os jogadores irão explorar a selva e estabelecer valiosas rotas de mantimentos para trazer o essencial de volta ao acampamento, enquanto mantêm os Drake entretidos e felizes. Defendendo-os de inimigos vorazes através de um vasto armamento que vai desde raquetes de ténis a pistolas de pregos, os jogadores irão eventualmente desvendar a conexão peculiar e antiga entre The Hollow e o nosso próprio mundo.

Forrest Dowling, o CEO e Diretor de Criação da empresa comentou:

“Centenas de milhares de jogadores de Drake Hollow na Xbox tiveram a hipótese de experimentar algo único no mundo dos jogos: a oportunidade de cuidar de algo diferente de nós mesmos. O Nosso objetivo era criar uma experiência de jogo que transbordasse de coração, fosse musical, visualmente atraente, tivesse no seu núcleo uma jogabilidade baseada em sistemas, e fosse sólida como uma rocha. Esperamos que os jogadores considerem Drake Hollow tão divertido e único quanto o projetamos para ser! ” 

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal, até à sua atualidade. Devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também é adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.