Tradutor do mangá Jujutsu Kaisen preso por Pornografia Infantil

Tradutor do mangá Jujutsu Kaisen preso por Pornografia Infantil

Foi hoje revelado que Stefan Koza (Steady), o tradutor oficial para inglês do mangá Jujutsu Kaisen de Gege Akutami, foi preso no início de dezembro de 2020 por posse e distribuição de pornografia infantil. Aqui no OtakuPT em julho de 2019 chegamos a entrevista-lo em exclusivo.

Entrevista Exclusiva ao tradutor do mangá Jujutsu Kaisen

Stefan Koza tem 33 anos e foi preso a 2 de dezembro de 2020 em Herndon (Virginia). Ele terá de responder em tribunal por 5 acusações de posse e distribuição de Pornografia Infantil.

Koza está detido sem fiança no Centro de Detenção de Adultos do Condado de Fairfax.

Jujutsu Kaisen começou a ser lançado na Shonen Jump a 5 de março de 2018, fazendo parte da iniciativa JUMP START que tem como objetivo estrear novos mangás de sucesso na revista.

Na sua sinopse podemos ler:

Yuuji é um génio no atletismo. Mas ele não tem interesse em correr em círculos, ele é feliz sendo apenas um membro do Clube de Pesquisa Oculta. Embora ele esteja apenas no clube por diversão, as coisas ficam sérias quando um espírito aparece na escola! A vida está prestes a ficar muito estranha na escola do ensino médio de Sugisawa Town!

Jujutsu Kaisen já tem 15 milhões de cópias

Está neste momento a ser exibida uma adaptação para série anime. A animação é do estúdio MAPPA (Dororo, Yuri!!! on Ice, In This Corner of the World, Rage of Bahamut Genesis), a direção é de Sunghoo Park (The God of High School), o argumento é de Hiroshi Seko (Attack on Titan: Lost Girls, Banana Fish, Vinland Saga), o design de personagens é de Tadashi Hiramatsu (His and Her Circumstances, Yuri!!! on Ice, Parasyte -the maxim-) e a música é da responsabilidade de Hiroaki Tsutsumi, Yoshimasa Terui e Arisa Okehazama.